Jump to content
Sign in to follow this  
Antonio Felipe

Notícias e Informações da Copa do Mundo 2014

Recommended Posts

Bruce Dubber

Zuñiga =\= Colômbia.

Saibam diferenciar. :joinha:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Alan1509

NOTÍCIAS
Maradona critica prêmio de melhor jogador da copa para Messi

"James Rodríguez foi o melhor jogador do Mundial", afirmou o ex-craque argentino

O maior ídolo do futebol argentino, Diego Maradona, criticou a entrega do prêmio Bola de Ouro para Lionel Messi e considerou o colombiano James Rodríguez o melhor jogador da Copa do Mundo do Brasil.

— Ao "Lio" eu daria o céu, mas quando não é justo e os marqueteiros querem fazer com que vença algo que não ganhou, é injusto — disse Maradona no domingo à noite no programa 'De Zurda", exibido pelo canal venezuelano Telesur e retransmitido na Argentina.

— James Rodríguez foi o melhor jogador do Mundial — disse Maradona sobre o colombiano, que terminou a Copa como artilheiro da competição com seis gols.

Para Maradona, nem Messi concordou com o prêmio.

— Eu o vi como se não desejasse recebê-lo.

Sobre a derrota da Argentina, Maradona considerou que a seleção fez uma partida digna e lamentou o gol da vitória alemã, anotado na prorrogação por Mario Götze.

— Com tristeza pelo gol de Mario Götze. Mas não podemos esquecer que fizemos o Mundial passo a passo. Se fizéssemos o gol (perdido) por Higuaín estaríamos festejando. A Alemanha não foi arrasadora.

Edited by Alan1509
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235

E a seleção da FIFA baseado nos rankings não tem o David Luiz (e tem o Oscar).

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Até Maradona reconheceu que não foi justo o prêmio do Messi. :tonguemad:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Clark Kent

Psicóloga vê desequilíbrio emocional na seleção e cita pressão de Felipão

10418527_10151962060513239_3924374798560

Responsável por acompanhar os jogadores da seleção brasileira em alguns momentos da Copa do Mundo, a psicóloga Regina Brandão admitiu que a equipe sofria com um desequilíbrio emocional. Em participação no programa Roda Viva, da TV Cultura, desta segunda-feira (14), ela falou sobre o problema enfrentado pelo grupo e citou um momento em que Luiz Felipe Scolari, ex-técnico do Brasil, teve sua parcela de culpa.

"Impressão que eu tive era que os jogadores tinham qualidades muito importantes, mas tinham pouca experiência de enfrentar essas situações de muita cobrança", disse Regina. "Equipe não conseguiu acertar o jogo em si e isso foi gerando uma redução na autoconfiança apesar de ter toda experiência", complementou.

De acordo com a psicóloga, quando as coisas não saíam do jeito que eles previam, a confiança ficava abalada. "O que acho é que foi acontecendo alguma coisa que foi minando, minar mesmo a confiança que os jogadores tinham na capacidade de ir lá e atingir o objetivo. O que foi minando? Somatória de coisas, alguma parte psicológica, outras coisas não", falou.

Apesar de admitir o problema psicológico do grupo, Regina diz não saber explicar se esse desequilíbrio motivou a campanha ruim da seleção ou foi justamente provocado por ela. "Causa ou consequência? Ainda difícil fazer um diagnóstico, cada jogo era um bilhão de emoções. Alguns lidam bem ou mal", observou a psicóloga que admitiu que o grupo entrou em estado de pânico contra a Alemanha.

"Foi coisa do momento e vou ter que falar todo mundo entrou em pânico, e quando entra em pânico, você não pensa. A sensação do David nesse jogo, como no próximo, foi tentar resolver por conta própria, e perdeu o coletivo. Cada um tenta resolver por conta própria", explicou Regina ao falar sobre a vontade de David Luiz em ir ao ataque e acabar participando negativamente de pelo menos três gols germânicos.

Uma das partidas citadas por Regina foi o duelo das oitavas de final contra o Chile. Segundo a psicóloga, Felipão teve uma parcela de culpa na pressão que foi colocada para aquela partida, quando vários atletas choraram ao final.

"Felipão tinha preocupação há mais de um ano com o Chile, talvez isso tenha sido um pouco demais, no sentido que ele colocou muita pressão nos jogadores. E ele reconhece isso, reconheceu para mim. Foi muito interessante o trabalho pós-jogo do Chile, talvez tenha sido o trabalho mais importante ali que eu tenha participado", afirmou.

Regina ainda citou o fato de Felipão e Parreira terem ficados tão abalados com a goleada sobre a Alemanha que usaram números para tentar provar o valor do trabalho.

"Felipão e Parreira têm carreiras vitoriosas, são dois campeões mundiais que temos em atividade. Aquele resultado vai marcar o resto da vida, de todo mundo, e para um treinador que veio de um sucesso enfrentar uma situação como essa, que pode determinar fim da carreira profissional, é doloroso. Minha impressão é que ele tentou mostrar que não foi essa porcaria toda, que todo mundo está detonando", disse.

Outro ponto levantando por Regina foi o pouco tempo de trabalho que teve com o grupo. Segundo a psicóloga, seu trabalho acabou sendo limitado por acontecer apenas durante a competição. Ela ressaltou também que não foi remunerada pela CBF, atuando apenas como convidada de Felipão.

"O trabalho foi limitado, sem dúvida, limitadíssimo. Tentei otimizar dentro daquele pouco tempo que tinha para trabalhar", disse. "Nós poderíamos desenvolver várias coisas, mas não durante a competição, são coisas para fazer antes. Não ia fazer treinamento mental durante a Copa, teria de fazer antes. Durante, o que fazemos é resolução de conflito", completou.

UOL

Share this post


Link to post
Share on other sites
Alan1509
NOTÍCIAS
Torcedora que virou meme na internet lamenta críticas de brasileiros: Estragou a Copa

A alemã Ulrike Neumann se apaixonou pela Copa do Mundo em 2006, quando aconteceu em seu país natal. Gostou tanto que, em 2010, ela foi à África do Sul acompanhar os jogos de perto. Mas, apaixonada pelo Brasil, ela acreditava que 2014 viveria a Copa das Copas, a melhor da história. E tudo correu muito bem, até ela ter o azar de ser filmada pela transmissão oficial da Fifa no jogo entre Alemanha e Argentina, na final, no último domingo.
A comissária de bordo virou um meme na internet devido à sua aparência em dois momentos diferentes. Ahh, que linda, diz a legenda estampada em uma foto de Ulrike com o rosto coberto por uma das mãos. Não, pera, diz a outra, em que ela estava em movimento, irreconhecível.

ulrike-1.jpg

Ver essa imagem minha passar na televisão foi ruim. Sou mulher, é claro que não gostei muito contou a alemã, que se comunica perfeitamente em português. Mas na televisão passa rápido. O pior foi que pegaram essa imagem para rir de mim. É uma foto em que nem minha mãe me reconheceu por eu estar tão diferente. Eu estava tensa por causa do jogo, que estava 0 a 0. Foi a maldade que achei o pior.

ulrike-3.jpg

Segundo Ulrike, o meme maldoso recebeu mais de 10 mil comentários em sua maioria, críticas ácidas. A imagem foi parar até no perfil do jornalista e apresentador Marcelo Tas no Facebook, que apagou a montagem durante a semana, após apelos de conhecidos da alemã.
Nunca aleguei que sou modelo ou que queria concorrer num concurso de beleza indo aos estádios. Só queria ver meu time jogar e fui um pouco fantasiada. Estragou a Copa, para mim. Eu fiquei chorando durante dois dias. Não fui comemorar o título tão desejado da minha seleção poque já começaram a me reconhecer e fazer piadas ainda no estádio, me mostrando a foto, querendo tirar fotos comigo. Aí em vez de ir pra festa eu fui direto pra casa sozinha.

ulrike-2.jpg

Para a alemã, o fato de os brasileiros serem excessivamente preocupados com as aparências contribuiu para que uma imagem sua fosse tão compartilhada.
Brasileiros, em geral, são muito ligados em aparência e beleza. É claro que é bonito ver pessoas de corpo bonito na praia. Mas às vezes é exagerado. Na Alemanha não é assim opina Ulrike.
Apesar de ter ficado frustrada e aborrecida, ela conseguiu ver o lado positivo da manifestação.
O que achei notável foi o carinho que recebi de todos os meus amigos e conhecidos ao verem essa foto. Recebi tantas declarações de carinho que fiquei emocionada conta.

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Realmente ela deu azar... Não é tão feia quanto parecia.

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bruce Dubber

Na foto havia a impressão de que ela tinha pela casa dos cinquenta anos, mas de fato o ângulo a desfavoreceu.

Share this post


Link to post
Share on other sites
 Brizola

Felipão pilha o time todo

Por isso dá mer**

Share this post


Link to post
Share on other sites
Ramyen Matusquela

Todos os números da Copa do Mundo FIFA:

5.154.386 pessoas participaram das Fan Fests da FIFA durante o Mundial no Brasil. O deslumbrante cenário de Copacabana, no Rio de Janeiro, atraiu 937.330 torcedores — o maior número entre todas as cidades-sede.

171 gols, uma média de 2,67 por partida, fizeram do Brasil 2014 o Mundial com o maior número de bolas na rede de todos os tempos, empatado com a França 1998.

7,2 bilhões de dólares é a receita fiscal que deve ser recebida pelo Brasil como resultado dos investimentos na Copa do Mundo

3.429.873 foi o público total das 64 partidas, o maior número registrado em todos os Mundiais desde 1994. A média de público de 53.592 torcedores também foi a maior em duas décadas.

3.240 bolas adidas foram utilizadas em treinos e partidas durante o torneio.

3 incidentes na linha do gol foram resolvidos com o uso de tecnologia na primeira Copa do Mundo em que a novidade foi adotada.

280.000 quilômetros foram percorridos pelas equipes em viagens aéreas durante o torneio, o equivalente a sete voltas ao mundo.

16.746 credenciais de imprensa foram distribuídas durante o Mundial.

3.127.674 operações de venda de alimentos e bebidas aconteceram nos estádios ao longo da competição.

420 toneladas de lixo reciclável foram coletadas nos estádios e em outros locais reservados à Copa do Mundo.

90 países foram visitados nos 267 dias do Tour do Troféu da Copa do Mundo da FIFA apresentado pela Coca-Cola, sendo que 45 chefes de Estado e 33 antigos campeões mundiais estiveram entre as pessoas que participaram do evento.

Mais de 1 bilhão foi o público total no Estádio Global da FIFA, o centro social, on-line e móvel do FIFA.com durante o Brasil 2014. A cifra equivale a 13.380 Maracanãs lotados.

http://pt.fifa.com/worldcup/news/y=2014/m=9/news=todos-os-numeros-da-copa-do-mundo-da-fifa-2443114.html

Edited by Ramyen

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...