Jump to content
Sign in to follow this  
Marcos Albino

FAMOSOS

Recommended Posts

JoelJunior15

NOTÍCIAS

Ator de famosa série britânica dos anos 1970, morre aos 67 anos:

o-ator-lewis-collins-1385642931851_300x4

O ator britânico Lewis Collins, famoso por estrelar a série dos anos 1970 "The Professionals", morreu aos 67 anos, em sua casa em Los Angeles. A informação foi confirmada por seu agente ao site da emissora BBC.

"Ele morreu em paz em sua casa de Los Angeles, cercado pela família. Pedimos privacidade neste momento tão triste", afirmou o agente. Collins lutava há cinco anos contra um câncer. A data exata de sua morte não foi divulgada.

Em "The Professionals", série cult sobre uma unidade fictícia de combate ao crime, o ator interpretava o personagem William Bodie. Ele contracenou com Martin Shaw, que lamentou a morte do colega em entrevista à BBC.

"Nós passamos quatro duros anos juntos fazendo 'The Professionals' e fizemos parte de algo que se tornou um ícone da televisão britânica. Ele será lembrado como parte da infância de muitas pessoas e seus fãs ficaram de luto. Mando meu amor e minhas condolência à família dele e aos muitos que sentirão sua falta", afirmou.

Collins nasceu em maio de 1946 e trabalhou como baterista e cabeleireiro antes de começar a atuar. Ele trabalhou em algumas populares séries britânicas antes de atingir o sucesso com "The Professionals".

Após o fim da série, que ficou no ar por seis anos, o ator seguiu trabalhando em filmes e programas de televisão, chegando até a ter disputado o papel de James Bond. Seu último trabalho foi em 2002, na série "The Bill".

Fonte: UOL TV

Descanse em paz! :byecry:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Biia*~*

Não o conhecia, mas descanse em paz e forças a família >_<

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Produtor musical João Araújo, pai de Cazuza, morre no Rio aos 78:

13334156.jpeg

Um dos executivos mais importantes da indústria fonográfica brasileira, o produtor carioca João Araújo, 78, pai do cantor Cazuza, morreu às 6h30 da manhã deste sábado (30), em seu apartamento no Rio, vítima de ataque cardíaco.

Araújo estava com a saúde fragilizada desde que sofreu uma queda há três semanas, em Angra dos Reis, na qual fraturou a cabeça do fêmur. Internado para uma cirurgia, teve um problema nos rins detectado pelos médicos e passou por hemodiálise.

Voltou para casa na última segunda-feira (25). "Há dois dias, fumou nove cigarros e tomou um uísque, já proibido pelos médicos. Ele já estava sentindo [que morreria]", disse o deputado federal Miro Teixeira (Pros RJ), um dos amigos que compareceram ao velório, que acontece nesta tarde no cemitério São João Batista, em Botafogo, zona sul do Rio.

O enterro está marcado para as 17h, no mesmo jazigo em que está Cazuza.

Caçula de uma família pernambucana com seis filhos, João Alfredo Rangel de Araújo nasceu no Leblon em 2 de julho de 1936 e começou sua carreira na indústria musical aos 14 anos, como auxiliar de imprensa na Copacabana Discos, que tinha em seu elenco estrelas como Ângela Maria e Elizeth Cardoso.

Passou por diversas gravadoras, incluindo a Odeon e a Philips, na qual foi diretor artístico e ajudou a lançar artistas como Caetano Veloso, Gal Costa, Jorge Ben e Djavan.

Participou da criação da Som Livre, em 1969. Na gravadora ligada às Organizações Globo, que comandou por quase quatro décadas, lançou bem-sucedidas trilhas de novelas e lançou fenômenos de venda como Xuxa.

SUA HISTÓRIA:

Sua história como empresário musical ficou em segundo plano a partir do sucesso de Cazuza (1958-1990), seu único filho, nascido do casamento de mais de cinco décadas com Lucinha Araújo.

Temendo acusações de nepotismo e favorecimento, Araújo não quis ajudar o filho a princípio, mas foi convencido pelo produtor Guto Graça Melo e pelo jornalista Ezequiel Neves a lançar o disco de estreia do Barão Vermelho, em 1982.

A morte de Cazuza foi um baque do qual Araújo jamais se recuperou --evitava assistir a homenagens ao filho, como o musical teatral atualmente em cartaz.

Além de presidir a Som Livre, Araújo também foi eleito presidente de honra da Associação Brasileira dos Produtores de Discos (ABPD), em 2007 Ðmesmo ano em que recebeu o prêmio Grammy Latino por sua contribuição à indústria musical.

"A trajetória de João Araújo confunde-se com a história da música brasileira moderna e seus principais movimentos musicais das últimas décadas, desde a Bossa Nova, Jovem Guarda, Tropicalismo e a consolidação do pop rock brasileiro. Sua contribuição para o fortalecimento da indústria da música no Brasil é inestimável", disse Paulo Rosa, presidente da ABPD na ocasião.

Fonte: UOL TV

Descanse em paz! :byecry:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Biia*~*

Awnnnn D=

Eu descobri há muito pouco tempo que ele estava no comando da Som Livre, inclusive, na época de trilhas de grandes novelas da década de 70.

E ele trabalhou na Copacabana, outra grandiosa gravadora de privilégio que foi extinta D=

João, deixaste um grande legado. Pode descansar em paz, a música brasileira tem muito a lhe agradecer ^^

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Madonna pode dirigir episódio de série sobre os "Dez Mandamentos":

4out2013---a-cantora-madonna-falou-sobre

A cantora Madonna está cotada para dirigir um episódio de uma série sobre "Os Dez Mandamentos". Quem disse isso foi o produtor de cinema Harvey Weinstein ao jornal americano "The New York Times".

A série terá dez episódios, um para cada mandamento. Dentre os outros diretores convidados, estarão, além de Madonna, Lee Daniels, Ryan Coogler e Wes Craven.

Weinstein, que produziu o último trabalho da popstar como diretora, o filme "W.E.", além de outros grandes sucessos do cinema como "Chicago", "Kill Bill" e "O Senhor dos Aneis", pretende criar uma divisão em sua empresa especializada em produções para a TV.

"A maneira que encontramos de acrescentar estabilidade à companhia hoje em dia e investir em produções televisivas", disse Weinstein, que pretende criar em sua empresa uma divisão de TV "tão poderosa quanto a cinematográfica".

Além de "Os Dez Mandamentos", Weinstein planeja uma série de detetives, também com dez episódios e ambientada no Egito antigo chamada "Book of the Dead" (O Livro dos Mortos, em tradução livre).

Há planos para filmar também "Marco Polo", uma série de artes marciais para o Netflix; "Guerra e Paz", uma série de 14 episódios baseada no livro de Leon Tolstoi sobre as guerras napoleônicas que será produzida em parceira com a BBC e, ainda, "Stan e Ollie", sobre os últimos dias da dupla de atores Stan Laurel e Oliver Hardy, mais conhecidos como O Gordo e o Magro, também para a BBC.

NO CINEMA:

"Os Dez Mandamentos" teve sua mais famosa adaptação para o cinema no ano de 1956. Estrelada por Charlton Heston e Anne Baxter, o filme conta a história do livro bíblico do Êxodo, que retrata o nascimento do profeta Moisés e sua trajetória de libertação dos hebreus da escravidão no Egito.

O filme mostra passagens bíblicas icônicas como a travessia do Mar Vermelho, as dez pragas de Deus contra os egípcios, a peregrinação no deserto do Sinai e a chegada à terra prometida de Canaã.

Fonte: UOL TV

Share this post


Link to post
Share on other sites
Biia*~*

Irá ser um trabalho muito interessante para Madonna =)

Quase que me esqueço que ela já trabalhou como diretora >_<

Acho que irá ser uma série bem legal "Dez Mandamentos". Quem sabe a Record traz pra cá? ^^

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marcos Albino

Pode ser, ela entende muito mesmo do assunto. Já namorou o Jesus... :assobiando:

Blasfêmia + piada ruim: Inferno.

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Governador de Sergipe, Marcelo Déda morre aos 53 anos em São Paulo:

83CE8A579D474F9086255469DDD75CAC.jpg

Morreu às 4h45 desta segunda-feira (2), aos 53 anos, o governador de Sergipe, Marcelo Déda (PT). Vítima de um câncer gastrointestinal, o governador foi internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, no dia 27 de maio, com dificuldades para se alimentar. Nos últimos dias, o estado de saúde do governador havia se agravado e, no sábado (30), o hospital divulgou boletim médico, afirmando que o quadro de Déda era grave e que apresentava "piora progressiva".

Casado duas vezes, atualmente com a repórter-fotográfica Eliane Aquino, o governador deixa cinco filhos. No seu lugar assume o vice-governador, Jackson Barreto, do PMDB.

O governo decretou luto de sete dias no Estado, além de ponto facultativo até terça-feira. As aulas das escolas estaduais também foram suspensas.

Advogado formado pela Universidade Federal de Sergipe, Déda estava em seu segundo mandato.

A família postou uma mensagem no Twitter do governador. "O céu acaba de ganhar mais uma estrela. Marcelo Déda voou 'nas asas da quimera'. Paz e bem". Déda será velado no Palácio Museu Olímpio Campos, ainda em horário a ser definido. O corpo deve chegar a Sergipe às 12h (horário local). O velório e o sepultamento serão abertos à população.

Em outubro de 2012, ele anunciou a descoberta de um câncer no estômago. Desde lá inciou um tratamento intenso, em São Paulo, que resultou em afastamentos. Em maio, se afastou pela última vez para intensificar os tratamentos.

A última postagem de Déda pelas redes sociais foi em 10 de novembro, pelo Twitter, quando comentou sobre as eleições estaduais do PT.

Dilma publicou nota de pesar em que afirmou que "como prefeito, deputado e governador, Marcelo Déda exerceu a política com P maiúsculo".

Na última foto que publicou, em 29 de outubro, ele aparece ao lado da presidente Dilma Rousseff, que o visitou na data. Com uma camisa do Flamengo, o governador aparece sorridente, mas visivelmente debilitado.

PROGRAMAS ELEITORAIS AO VIVO:

Natural do município de Simão Dias (a 100 km de Aracaju), Déda participava do cenário político desde a década de 1970, nos movimentos secundaristas, quando conheceu o então dirigente sindical Luiz Inácio Lula da Silva. Militante do Partido dos Trabalhadores (PT), no início dos anos 1980, Marcelo Déda foi fundamental na consolidação da legenda no Estado.

Em 1985, o PT decidiu lançar o nome de Déda para concorrer às eleições municipais de Aracaju, com o objetivo de se firmar como um partido nacional. Na época, com 25 anos e sem recursos para a campanha, o candidato fez todos os programas eleitorais gratuitos de televisão ao vivo e apenas com a bandeira do partido na parede do cenário, montado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Em entrevista a Fernando Rodrigues, em 16 de janeiro de 2010, o governador comentou a doença e falou sobre o momento político daquele ano.

"A lei me facultava fazer ao vivo, então eu ia cru, pregava uma bandeira com durex e estava pronto o cenário do 'ao vivo'. Aquilo que era uma desvantagem virou uma vantagem porque me transformei no âncora do programa eleitoral", relatou o governador de Sergipe em sua página oficial na internet.

Na eleição municipal, mesmo com recursos para a confecção de 5.000 cartazes, Déda ficou em segundo lugar com quase 19 mil votos. Logo em seguida foi eleito deputado federal por Sergipe.

Um ano depois, ele foi eleito deputado estadual com mais de 32 mil votos. O revés eleitoral ocorreu em 1990, quando tentou se reeleger para uma das cadeiras da Assembleia Legislativa. Acusado de ter priorizado as atividades legislativas em detrimento dos movimentos sociais, Marcelo Déda obteve 10% dos 33 mil votos que o elegeram em 1986.

Em 1994, foi eleito para a Câmara dos Deputados e, em 2000, conquistou o primeiro mandato de prefeito de Aracaju referendado por 52,8% dos votos válidos. Foi escolhido como líder do PT na Câmara entre 1998 e 1999. Reeleito em 2004, Déda começou a consolidar a trajetória política para a candidatura ao governo de Sergipe.

Em 2006, deixou a prefeitura de Aracaju para se candidatar ao comando do Estado. Eleito em primeiro turno com 52% dos votos, Déda investiu em infraestrutura no interior do Estado.

Em entrevista à "Agência Brasil", durante a campanha à reeleição, Marcelo Déda disse que o foco de seu governo no segundo mandato – 2010 a 2014 – seria o combate à violência, o aprofundamento das políticas sociais e a continuidade das obras de infraestrutura iniciadas em 2006. (Com Agência Brasil)

UOL TV

Share this post


Link to post
Share on other sites
Biia*~*

Descanse em paz nee D=

O aparelho gastrointestinal é realmente sensível e tem que tomar cuidado. Eu me lembrei do caso do compositor americano Gregg Diamond, que faleceu com um sangramento no estomago há 14 anos D=

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Médico impede Ana Hickmann de apresentar programa:

ana%20hickmann%209.JPG

Britto Junior – e não Ana Hickmann, como era esperado – comandou a apresentação do especial "Coral de Rua", domingo na sala de música da UFRJ, no centro do Rio. Ele e mais 40 atores.

A Ana não foi por recomendação médica. A apresentadora, na reta final da gravidez, foi aconselhada a ficar em São Paulo repousando.

UOL TV

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marcelo Cazangi

NOTÍCIAS

Socorro - Gil Gomes precisa de ajuda

uma-das-imagens-mais-marcantes-do-telejo

Um alô aos amigos do Gil Gomes: ele está precisando muito de todos. O estado de saúde dele inspira cuidados.

Na semana passada, já existiu um socorro do Raul Gil, mas ainda é necessário o apoio dos demais, que conviveram com ele em seus áureos tempos de rádio e TV.

Ele está entre os mais famosos repórteres do Brasil, hoje as imitações do Marcelo Rezende estão em alta, mas a alguns anos só se via imitações do Gil Gomes, criador de vários bordões muito conhecidos.

A mídia é ingrata com aqueles que fizeram parte dela, mas nos dias de hoje estão caindo no esquecimento..

Fonte: UOL


Edited by Marcelo Cazangi

Share this post


Link to post
Share on other sites
Biia*~*

Sim D=

Dizem que ele está com cancer de próstata, e ele não gostou nada de ser questionado sobre isto. Desejo melhoras pra ele, e que Deus cuide dele nesta hora difícil D=

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Tomara que ele se recupera... Câncer de próstata é horrível... Traz sofrimento pra caramba. Que Deus o conforte nessa situação tão difícil.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marcelo Cazangi

Ele precisa de dinheiro para o tratamento, mas esta fora da mídia, Raul Gil o ajudou, parece ser um cara bem generoso...

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Complementando a notícia postada pelo Marcelo, pela manhã...

NOTÍCIAS

"Só preciso de Deus para me curar", afirma Gil Gomes com mal de Parkinson:

250px-Gilgomes3.jpg

Afastado da mídia desde 2011, o apresentador e radialista Gil Gomes, 73, voltou a ganhar notoriedade nesta terça-feira (2), após o colunista do UOL, Flávio Ricco, informar que o comunicador estaria precisando da ajuda financeira e emocional dos amigos da televisão e do rádio.

Em conversa com o UOL, Gil negou que esteja passando dificuldades financeiras e declarou levar uma vida "muito boa", apesar de sofrer de mal de Parkinson.

"Estou muito bem economicamente e psicologicamente. Minha família não me abandonou, faço tratamento para mal de Parkinson e vou me recuperar. Só preciso de Deus para me curar, para que eu possa voltar a trabalhar. Recebo aposentadoria e levo a vida muito bem. Não falta comida em casa, como igual a um leão", afirmou o apresentador, que tem feito acompanhamento médico para diminuir os efeitos da doença.

Sobre o fato de estar abandonado em casa, Gil explicou que vive sozinho no bairro São Judas, na zona sul de São Paulo, por opção própria. "Meus filhos me visitam, querem que eu vá morar com eles, mas não vou, pois é uma opção minha morar sozinho. Minha mãe morou sozinha, minha avó e também vou morar sozinho. Velhos têm algumas manias".

A reportagem também conversou com o apresentador Raul Gil e com o cantor e político Agnaldo Timóteo, que recentemente visitaram o amigo e afirmaram que a situação dele não é tão boa quanto ele diz.

"Não é justo que nós artistas e comunicadores brasileiros permitamos que o Gil Gomes não tenha um apartamento próprio e more de aluguel", afirmou Timóteo, que torce para que o colega publique um livro intitulado "A História Social de Gil Gomes". "Ele não está bem economicamente, precisa de ajuda", garantiu Raul Gil.

TRAJETÓRIA:

O grande destaque da carreira de Gil Gomes foi em 1991, quando ele comandava o programa "Aqui Agora", no SBT. Com uma linguagem popular e sempre vestido com uma camisa de manga comprida, o apresentador gesticulava com as mãos, enquanto narrava os casos policiais com sua voz grave e característica. Em sua equipe estavam: Celso Russomanno, Jacinto Figueira Júnior, Sônia Abrão e Wagner Montes.

Com a concorrência, Silvio Santos tirou a atração do ar e em 1998, Gil foi contratado pela TV Gazeta para ser repórter do programa "Mulheres".

Logo depois, Gil integrou a "Escolinha do Barulho", da Record e também apresentou um programa na Rádio Tupi.

Entre 2004 e 2005, foi repórter e apresentador do Repórter Cidadão, na RedeTV!. Logo depois, de 2007 a 2011 integrava o time de radialistas da Rádio Record de São Paulo.

Atualmente, a Rádio Iguatemi de São Paulo transmite um especial com os seus melhores programas do radialista em dois horário: às 5h e às 14h15.

Por 14 anos, Gil Gomes foi casado com a dramaturga e escritora Ana Vitória Vieira Monteiro com que teve três filhos – Guilherme Gil Gomes, Daniel e Vilma. Guilherme morreu ainda jovem, vítima de hepatite C. Em seu segundo casamento com Eliana, o apresentador teve mais duas filhas, Flavia e Nataly. Ele também é avô.

UOL TV

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...