Jump to content
Sign in to follow this  
Victor235

Japão será pioneiro em TVs com imagens 16x melhores que Full HD

Recommended Posts

Victor235
NOTÍCIAS
Como a resolução 8K vai humilhar a TV que conhecemos
olhard_zpscf0e4e26.jpg
Por Redação Olhar Digital - em 05/08/2013 às 16h00

http://img1.olhardigital.uol.com.br/area_logada/imagem.php?id=293824
(Foto: Reprodução)

Você pensa que a resolução 4K ainda está longe da realidade brasileira? Os primeiros televisores com a tecnologia começam a surgir por aqui, mas já se começa a falar em transmissões de televisão em 8K. A tecnologia já pode ser usada nas Olimpíadas de 2016 pela emissora estatal japonesa NHK.

No Japão, é a própria NHK que lidera o desenvolvimento do UHDTV, que permite reprodução de imagens de até 7.680 x 4.320 pixels. Por lá, as transmissões em 8K devem começar apenas em 2016 via satélite e em 2020 por meio terrestre.

Com esta resolução, a qualidade de imagens seria 16 vezes melhor do que o padrão Full HD, que é atualmente o mais difundido em televisores de alta definição atuais. Mas a imagem não é a única vantagem.

Segundo afirma o diretor de engenharia de entretenimento da Globo, Raymundo Barros, em entrevista à Folha de S. Paulo, a intenção da tecnologia é criar mais imersão e, para isso, o áudio também precisa acompanhar a qualidade de imagens. Os vídeos em 8K são capturados em 22.2 canais, contra apenas 5.1 atuais.

Além disso, a tendência é que, com a futura popularização do 8K, sejam criados televisores cada vez maiores para espaços cada vez menores. A publicação aponta que atualmente a distância recomendada para assistir a uma TV Full HD é de 3 vezes a altura do televisor, enquanto a TV de 8K será de apenas 0,75 vezes a altura da tela.

A resolução já foi testada no Brasil, quando uma equipe japonesa desembarcou em território nacional para registrar imagens de paisagens e do Carnaval.

Vale lembrar que o Brasil ainda não tem nenhum tipo de transmissão sequer em 4K e muitas pessoas ainda assistem televisão pelo sinal analógico. A Globo, no entanto, já captura algumas imagens para suas novelas em 8K. Cada minuto em vídeo sem compressão ocupa 200 GB de armazenamento.
OLHAR DIGITAL Edited by Victor235

Share this post


Link to post
Share on other sites
Clark Kent

Novelas da Globo já são gravadas em 8K
Enquanto ainda aguardamos a chegada do sinal HD em todas as residências do país, a Rede Globo já realiza vídeos com filmagem 4K e 8K em alguns programas da emissora, como A Grande Família, Tapas e Beijos e Joia Rara, a próxima novela das seis.
As filmagem em 8K tem resolução de 7680 por 4320 pixels, 16x vezes mais que a Full HD, e é aplicada na novela das oito que está no ar hoje, Amor à Vida.


uhdtv.jpg

Já as produções citadas são filmadas em 4K, que tem quatro 4x vezes mais resolução que a Full HD, mas passam por masterização e pós-produção em HD antes de chegar às TVs brasileiras.

Seu uso é bem curioso: a trama se passa em São Paulo, mas é gravada no Rio de Janeiro, no Projac. Então, o chroma key (aquele fundo verde que pode ser trocado na edição por qualquer cena) é substituído por cenas gravadas de São Paulo em 8K.

O resultado disso são até 30 TB de dados que precisam trafegar em cabos coaxiais de cobre pelo Projac. Em um ambiente restrito é possível, mas, para a implantação do 8K em larga escala, será preciso usar fibra ótica para dar conta da velocidade de tráfego dos dados, que pode chegar a 200 Gb/s. A boa notícia é que já há uma infra-estrutura de fibra ótica sendo implantada no país e ela poderá ser utilizada para isso.

A Rede Globo, em parceria com a emissora japonesa NHK, tem estudado o desenvolvimento da tecnologia 8K. Ela deve ser implantada nos televisores do Japão em 2016 via satélite e, se tudo der muito certo, chega na mesma época ou com pouco atraso para nós. Vale citar que todo esse acompanhamento não tem apoio do governo, pelo menos por enquanto.

Quanto ao 4K, Raymundo Barros, o diretor de engenharia de entretenimento da TV Globo, afirma ao O Globo que é uma etapa intermediária em direção à outra resolução, deixando claro que a meta não é ela, mas a 8K.

Além da resolução enorme, que faz com que os pixels sejam invisíveis e, portanto, dão uma a sensação de imersão bem maior (se as TVs 4K quase parecem uma janela, imagine as 8K), a resolução 8K dá suporte a áudio 22.2 canais de áudio. Por isso, a NHK está desenvolvendo uma TV que tem 116 alto-falantes e permite aproveitar todos os canais sem precisar de mais aparelhos.

Além das novelas, outros testes já foram realizados por aqui: no Carnaval deste ano, a NHK gravou imagens do Rio de Janeiro e dos desfiles em 8K e as utiliza para demonstrar a tecnologia numa televisão de 85 polegadas. Segundo a Folha de S. Paulo, nessa demonstração os 22.2 canais permitem ouvir perfeitamente os momentos em que os carros alegóricos se aproximam e se afastam.

Para ver pessoalmente, precisamos aguardar os próximos anos para ver como a tecnologia evolui e torcer para que a implantação do 8K seja menos demorada que a do HD.

Tecnoblog

Edited by Rodrigo370

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235

Alguém sugere um novo título para o tópico, de modo que ele possa englobar notícias de aparelhos televisores e suas resoluções e formatos?

-------------------------------------

NOTÍCIAS
Samsung lança TV de 85 polegadas por R$ 100 mil no Brasil

olhard_zpscf0e4e26.jpg

Por Redação Olhar Digital - em 05/09/2013 às 18h10

http://img1.olhardigital.uol.com.br/area_logada/imagem.php?id=320896

(Foto: Divulgação/Samsung)

A Samsung lançou, nesta quinta-feira, 05, no Brasil, a Timeless S9 de 85 polegadas, a maior TV de LED em UHD (ou 4K) do mundo. Ela começará a ser vendida ainda neste mês pelo singelo preço de R$ 100 mil – aproximadamente 148 salários mínimos.

A TV possui alguns recursos como a tecnologia Upscaling, que converte a imagem em UHD, independentemente de qual seja o sinal. Isso acontece graças ao processador Quad Core exclusivo da sul-coreana. A empresa diz que as tecnologias Micro Dimming e Precision Black Pro ainda geram uma imagem com maior profundidade e contraste.

Outro aspecto interessante é o “Evolution Kit”, que prepara a TV para qualquer tipo de padrão de transmissão que possa ser adotado no Brasil. A companhia também promete que o mercado regional terá acesso a atualizações de software para o televisor.

No design, um aspecto que chama a atenção é a “Timeless Gallery”, uma moldura que envolve o aparelho, dando a impressão que ele está flutuando em seu ambiente. Ela não possui nenhum parafuso exposto e um conceito clean back, que mantém a parte traseira do aparelho sem nenhum cabo exposto.

Além disso, a Samsung Timeless S9 é equipada com um sistema de som com 120W de potência, 2.2 canais e alto-falantes/sub-woofer embutidos – que promete sensação de profundidade sonora.

O aparelho também estará disponível nos modelos de 55 e 65 polegadas, com as mesmas tecnologias oferecidas na versão maior.

OLHAR DIGITAL

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lucas Fernando

O mal disso é o peso dos arquivos... Que disco rígido conseguirá armazenar conteúdo com essa qualidade? Só emissoras de TV mesmo :(

E mesmo que lancem no mercado discos rígidos com alta capacidade, se um HD de 500 GB atualmente custa em torno de 300 pratas, imagine o que custará um de 500 TB (o que será pouco espaço, considerando as proporções).

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235

Não é tão caro, dá para encontar HD de 1T por 200 e poucos reais, mas entendi sua colocação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...