Jump to content
Raphael

NOTÍCIAS

Recommended Posts

Tony Nelson

Parece que sim, pelo o que vi na tv.

Ah bom, essas "chances" tem que ser aproveitadas. Os órgãos dele podem dar uma vida melhor a outras pessoas :)

--------------------------

I Love Quote :D

Edited by Gabriel Koller

Share this post


Link to post
Share on other sites
Usagi White

Fico triste por ele ter morrido,pois eu tinha esperanças dele sobreviver.

Porém me sinto feliz em saber que a familia doará os orgãos dele,acho muito bonito essa ação.

Lembrei até de uma história que aconteceu quando aquela menina Eloá morreu,alguém disse,acho que foi uma médica,que uma senhora de idade que ficou com o coração da menina,segundo a moça a era aniversário da quem iria receber esse órgão.

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Desenganado por médicos, adolescente se recupera de câncer e leucemia:

recuperacao-de-deryn-diagnosticado-com-l

Um adolescente britânico ouviu dos médicos há dois meses que tinha apenas três dias de vida, mas surpreendeu a todos com sua recuperação.
O caso de Deryn Blackwell, de 14 anos, é o único conhecido no mundo de uma pessoa a ser diagnosticada com leucemia e sarcoma de células de Langerhans, um câncer raro.
O diagnóstico foi feito há três anos e, durante o tratamento, em dezembro de 2013, ele contraiu outra doença que atacava seu sistema imunológico debilitado pelos dois tipos de câncer.
Foi então que Deryn ouviu dos médicos que morreria antes do Ano Novo. Ele foi para uma casa de repouso para pacientes terminais, onde se preparou, junto a sua família, para o pior.
"Ele tinha aceitado e nós tínhamos aceitado. Deryn até pediu para conhecer o quarto onde ficavam os corpos para saber para onde seria levado quando morresse", disse sua mãe, Callie Blackwell, à BBC.
PERSPECTIVA:
Sabendo que não teria muito tempo de vida, o garoto escreveu uma lista das coisas que gostaria de fazer.
Ele conheceu celebridades, andou em carros velozes e até experimentou uma bebida alcoólica pela primeira vez.
Deryn também planejou seu funeral e o destino que teriam suas cinzas - parte seria colocada em fogos de artifício, outra parte em um canhão e a terceira parte seria atirada de uma montanha na Grécia.
Mas seu corpo começou, inexplicavelmente, a lutar contra as infecções e produzir hemácias - células vermelhas do sangue - saudáveis novamente.
"Os médicos não sabem explicar, então nem conseguem nos dar uma ideia do que pode acontecer nas próximas semanas", diz Callie Blackwell.
"No início foi difícil passar da aceitação de que eu iria perder o meu filho e não vê-lo crescer para de repente pensar 'na verdade, talvez eu veja'."
O garoto, que chegou a precisar tomar 35 medicamentos diferentes por dia, agora toma apenas um.
Deryn saiu da casa de repouso e agora frequenta uma academia para melhorar sua resistência física.
"É preciso colocar as coisas em perspectiva. Se você começa a tossir e reclamar, tem que ver que há outras pessoas, como eu, que estão em uma situação pior e não estão reclamando. Então a sua tosse não é assim tão ruim", disse o garoto à BBC.
Ele continua em tratamento, porque seu câncer ainda pode retornar.
Mas seus pais querem criar uma instituição de caridade em seu nome, na esperança de que ela seja não somente seu legado, mas o seu projeto de vida.

FOLHA UOL

http://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/bbc/2014/02/12/desenganado-por-medicos-adolescente-surpreende-e-se-recupera-de-cancer-e-leucemia.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

CRM absorve médicos condenados por venda de órgãos:

o-menino-paulo-pavesi-cujos-orgaos-foram

Os médicos Cláudio Rogério Carneiro Fernandes e Celso Roberto Frasson Scafi, condenados pela Justiça e presos semana passada em Poços de Caldas (460 Km de Belo Horizonte) pela retirada de órgãos do garoto Paulo Pavesi, 10, ainda vivo, foram absolvidos, junto com mais quatro médicos, no processo administrativo a que respondiam no CRM-MG (Conselho Regional de Medicina de Minas Gerais) pela mesma acusação. Os órgãos do menino teriam sido vendidos.

A decisão foi unânime entre os 42 conselheiros que, em plenária em 24 de janeiro, absolveram os profissionais. A Justiça pediu a cassação dos registros profissionais desses médicos para que não pudessem exercer a profissão, pois foram condenados pela Justiça. Com a decisão, eles poderão continuar a exercer a profissão.
Além de Fernandes e Scafi, foram absolvidos pelo conselho os médicos Félix Herman Gamarra Alcântara, Alexandre Crispino Zincone, Gérsio Zincone.
Além da condenação pela morte do garoto de dez anos, esses médicos foram condenados em janeiro deste ano pela morte e retirada de órgãos para a venda do pedreiro José Domingos de Carvalho.
De acordo com o CRM-MG, foi elaborado um relatório amplo após análise detalhada da denúncia, dos prontuários e depoimentos de testemunhas. Os 42 conselheiros votaram pela absolvição, porque não se constatou que os profissionais infringiram o código de ética.
"Foi entendido que nos autos não havia prova alguma de irregularidade. O juiz se baseia no Código Penal, mas o CRM decide na esfera administrativa, com base no código de ética."

UOL TV

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2014/02/14/condenados-por-venda-de-orgaos-medicos-sao-absolvidos-pelo-crm-mg.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
Biia*~*

Se tem impunuidade até na medicina...o que se pode fazer?

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Mulher afirma ter matado mais de 20 pessoas nos EUA:

foto-de-dezembro-de-2013-mostra-miranda-

Uma mulher detida na Pensilvânia pelo assassinato afirmou ter matado mais de 20 pessoas em vários estados americanos, informa neste domingo a reportagem de um jornal local.
Miranda Barbour, de 19 anos, disse ao jornal Daily Item de Sunbury, Pensilvânia, que esfaqueou até a morte sua mais recente vítima, um homem de 42 anos, em novembro passado.
Ela contou que conheceu sua vítima através do site Craigslist e que concordou em fazer sexo com ele por cem dólares, mas depois o matou com a ajuda de seu marido.
"Eu me lembro de tudo. É como ver um filme", comentou.
Barbour e seu marido, Elytte Barbour, foram acusados pelo assassinato do homem e estão presos em locais diferentes.
A mulher, no entanto, afirma que esta morte é apenas uma de uma série de assassinato que cometeu ao longo dos anos, do Alasca ao Texas.
Indagada quantos assassinatos teria cometido, ela começou a fazer uma contagem que chegou aos 22, acrescentando que o número pode ser muito maior.
A declaração da mulher levou os investigadores nos Estados Unidos a revisar vários assassinatos não resolvidos à procura de possíveis conexões.
Barbour disse que começou a assassinar aos 13 anos, depois de ter sofrido abusos sexuais quando era criança por parte de um homem que foi membro de uma seita satânica no Alasca.

UOL TV

http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2014/02/16/mulher-afirma-ter-matado-mais-de-20-pessoas-nos-eua.htm

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Chuvas deixam mais de 800 fora de casa no sul de São Paulo:

17fev2014---pelo-menos-135-pessoas-estao

As chuvas que atingem São Paulo desde o fim da semana passada deixaram pelo menos 803 pessoas fora de casa no sul do Estado. Em Juquiá, 135 estão desalojados, 35 estão desabrigados e cerca de 350 moradias sofreram com inundações e cinco com escorregamentos, desde a madrugada de domingo (16).

Com mais de 60% da área municipal atingida, a cidade vai decretar estado de emergência. A Defesa Civil de São Paulo estão na cidade para avaliar a situação nesta segunda-feira (17).
Durante a chuva, o rio Juquiá transbordou, e o município ficou alagado. Segundo a Defesa Civil da cidade, o nível do rio está subindo de 3 cm a 5 cm por hora. Por volta das 19h, o rio estava cerca de sete metros acima do normal.
De acordo com a Prefeitura de Juquiá, no total, as casas atingidas por alagamentos e desabamentos estão em dez bairros da zona urbana e em cinco rurais.
Próximo ao km 135 da rodovia SP-079, que liga Juquiá e Tapiraí a Sorocaba, houve quebra de barreira e de parte da pista. Um desabamento de árvores chegou a fechar momentaneamente a rodovia SP-165, que liga Juquiá a Sete Barras.
Em Miracatu, 102 moradores da cidade estão desabrigados e 504, desalojados. A Defesa Civil do município, que tem cerca de 22 mil habitantes, informou que choveu em 12 horas o equivalente a 1 mês e meio. Entre a sexta-feira (14) e o sábado (15), a pluviometria foi de 300 mm.
O córrego Prainha transbordou e encostas tiveram escorregamentos em várias áreas do município, que afetaram 25 instalações públicas, oito instalações particulares e 354 residências. Não há vítimas até o momento e as chuvas diminuíram.
Em Pedro de Toledo, o rio Itariri inundou algumas residências e 27 pessoas ficaram desalojadas. Em Itariri, a chuva rompeu a ponte pênsil de travessia de pedestres, do bairro laranja Azeda, caindo dentro do rio Itariri.
No litoral norte do estado, casas e ruas foram alagadas e destruídas, carros foram arrastados pela enxurrada e famílias perderam móveis e ficaram desabrigadas em São Sebastião e Ilhabela. A prefeitura de São Sebastião decretou estado de alerta depois que 44 casas foram invadidas pela água.
Parte das casas atingidas foi erguida em área irregular e em cima de um curso d'água. Quatro famílias da Vila Progresso, em Juqueí, ficaram desabrigadas e 13 pessoas foram levadas a casas de parentes. Em Caraguatatuba, a Rio-Santos ficou alagada.

UOL TV

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2014/02/17/chuva-transborda-rio-e-deixa-desalojados-em-sp.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
Raposa31

Fãs e Ídolos! Qual parte você pertence?
Uma pesquisa realizada pelas Universidades De Vry de Orlando e Illinois (EUA), apontou, que esse tipo comportamento foi dividido em três partes!
Parte 1 (89%) - estão as pessoas que acompanham as celebridades como forma de entretenimento, e apesar de reconhecer ada detalhe da vida de seus ídolos, não colocam acima da própria vida!
Parte 2 (10%) - estão aqueles que adora tão intensamente, que chega a acreditar ter algum tipo de relacionamento pessoal com ele!
Parte 3 (1%) - A parte mais grave,são aqueles que colocam o artista em cima de tudo, até da própria vida!

Folha Universal

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS

Professora agredida por marido que pulou de prédio em Osasco (SP) deixa UTI:

18fev2014---fachada-nesta-terca-feira-18

A professora universitária Celia Regina Pesquero, 49, deixou nesta quinta-feira (20) a UTI do Hospital Municipal Antonio Giglio, em Osasco (Grande São Paulo). Ela levou socos e pontapés do marido Edemir de Mattos, 52, na noite da última segunda (17). Depois de agredir a mulher, Mattos, que era professor de inglês, se jogou com o filho de seis anos do apartamento em que moravam, no 13º andar. Pai e filho morreram na hora.
Com um trauma no rosto, a professora permanece internada na enfermaria do Hospital Antonio Giglio. Seu quadro é considerado estável, mas não há previsão de alta.
O corpo de Mattos foi enterrado ontem em Campinas (a 95 km de São Paulo). O corpo do filho, Ivan Pesquero de Mattos, também foi enterrado nesta quarta, mas no Memorial Park Alphacampus, em Jandira (Grande São Paulo).
À polícia, a professora afirmou que "apanhava sempre" do marido. O casal vivia junto havia sete anos. Segundo uma irmã de Celia, Mattos proibia a professora de manter contato com a família.
Em seu depoimento à polícia, Celia relatou que preparava um lanche para o filho na noite de segunda quando Mattos começou a ameaçar se matar com a criança. A professora disse que ele era "traumatizado" por não conseguir ver a filha que teve no primeiro casamento.
Três horas antes do caso, pai e filho brincaram no pátio do condomínio. No último sábado, a família havia comemorado o aniversário do menino com uma festa.
NOTÍCIAS UOL

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2014/02/20/professora-agredida-por-marido-que-pulou-de-predio-em-osasco-sp-deixa-uti.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tony Nelson

Quando ouvi dos meus pais essa história e depois vi a reportagem na tv, me deu um aperto tão fundo no coração.

Situação muito horrível e triste :cry2:

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Americano preso injustamente por 23 anos ganha US$ 6,4 mi de Nova York

21fev2014---em-imagem-de-arquivo-datada-

Um americano que ficou preso por 23 anos acusado de um assassinato que não cometeu, mas por um erro judicial, vai receber US$ 6,4 milhões de indenização da cidade de Nova York (EUA), após ser declarado inocente, em março do ano passado.
O acordo foi firmado antes mesmo de que uma ação judicial de direitos civis fosse proposta pedindo US$ 150 milhões, informa nesta quinta-feira (21) o jornal "The New York Times", citando advogados da vítima.
David Ranta, 58, foi condenado injustamente pelo assassinato de um rabino na década de 90, durante um roubo, graças a um erro judicial induzido pelo trabalho investigativo falho do detetive Louis Scarcella, suspeito de ter inventado relatos e coagido testemunhas e informantes.
Ranta é o primeiro de uma série de pessoas que podem ter sido condenadas e presas injustamente com base em erros judiciais pelo trabalho de Scarcella e que, agora, começam a ser indenizadas pela Justiça de Nova York.
"Apesar de nenhum valor em dinheiro poder compensar os 23 anos que ele passou na prisão, este acordo lhe permite a estabilidade necessária para voltar a viver", afirmou o advogado Pierre Sussman. Sussman adiantou ainda que vai buscar, agora, uma indenização do Estado.
DETETIVE ORIENTOU TESTEMUNHA A MENTIR:
O assassinato do rabino Chaskel Werzberger, em 1990, com um tiro na cabeça durante um assalto, comoveu a comunidade judaica de Williamsburg, no bairro do Brooklyn. Ranta foi preso em 1991 após provas testemunhais o indicarem como autor do crime.
Mas, anos depois --o jornal "The New York Times" não precisa o tempo-- uma das testemunhas do caso revelou que foi orientada à época pelo detetive do caso a acusar o homem "de nariz grande" --Ranta era o único suspeito que se encaixava nessa descrição.
Foi quando investigadores resolveram ir atrás de outras duas testemunhas, que também acabaram confessando que mentiram em juízo.
As descobertas somadas a afirmações de David Ranta de que o detetive Scarcella deu testemunho falso à Justiça de que teria colhido sua confissão --algo que nunca ficou comprovado-- fizeram com que Scarella fosse acusado de inventar confissões e coagir testemunhas e informantes.

http://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2014/02/21/americano-preso-injustamente-por-23-anos-ganha-indenizacao-milionaria-da-cidade-de-nova-york-eua.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Suspeito de assalto é amarrado, espancado e desmaia antes da chegada da PM
Um jovem acusado de assalto a uma padaria, na zona norte de Natal, foi espancado e teve os testículos e o pênis amarrados a um cordão por moradores do bairro Parque do Coqueiro, nesta sexta-feira (21). Depois da sessão de espacancamento o homem desmaiou. As agressões foram gravadas.
HOMEM É AGREDIDO EM NATAL:
O caso engrossa a lista de justiçamentos, que começaram com a divulgação de uma foto de um jovem acorrentado nu ao poste, no Rio, há 20 dias.
Só na segunda-feira (17) e terça-feira (18) desta semana houve dois casos em Goiânia, um no Piauí e outro em Santa Catarina. "A sociedade civil está ficando progressivamente descontrolada", diz o sociólogo José de Souza Martins, professor aposentado da USP.
Houve, de acordo com ele, uma "ligeira intensificação de ocorrências".
Há atualmente uma média de um linchamento por dia no Brasil, ante quatro por semana anteriormente, afirma Martins.
Ele observa uma inflexão dos casos em direção ao interior do país; havia uma tendência de concentração em São Paulo, no Rio e na Bahia.
ESPANCAMENTO E DESMAIO:
Em Natal, nesta sexta, o suspeito Wancleir Barbosa Bezerra, 23, o Ícaro, teve os braços amarrados e foi jogado em um terreno enquanto era agredido por uma dezena de moradores com chutes e socos na cabeça e no abdômen.
As agressões duraram cerca de 10 minutos e só cessaram quando a PM (Polícia Militar) deteve o rapaz, que foi levado desmaiado.
Segundo a polícia, Bezerra foi levado para a Delegacia de Plantão da zona norte. Lá a polícia descobriu que tinha um mandado de prisão acusado de homicídio e ele foi levado ao CDP (Centro de Detenção Provisória), no bairro Pirangi.
O presidente da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) no Rio Grande do Norte, Evandro Minchoni, criticou a reação dos moradores. Para ele, a ausência de políticas de segurança eficientes comandandas pelo Estado tem causado reações extremas da população.
"Nesses casos, as pessoas estão usando mais violência que o próprio crime cometido pelo acusado. As pessoas estão justificando a autodefesa para cometer outros crimes que violam a dignidade humana. Se o acusado cometeu crime que ele seja punido dentro da lei", alegou Minchoni.
Para Minchoni, um crime não deve ser justificado com outro crime, como no caso de Bezerra que "passou de acusado para vítima".
"Esse tipo de reação ocorria na época medieval quando acusados de crime eram espancados em praça pública e pessoas violavam o direito dele mesmo sem saber se eram realmente criminosos", disse.

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2014/02/21/suspeito-de-assalto-e-amarrado-espancado-e-desmaia-antes-da-chegada-da-pm.htm

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Motorista que atropelou dez é autuado por embriaguez e continua preso:

23fev2014---um-motorista-atropelou-folio

O empresário Sulivan de Oliveira, 26, que atropelou dez pessoas na Vila Madalena, na zona oeste de São Paulo, foi autuado em flagrante por embriaguez ao volante e lesão corporal culposa (sem inteção).
Somadas, as penas pelos dois crimes podem chegar a cinco anos de prisão, motivo pelo qual ele não teve direito à fiança. Por vota das 9h40 desta segunda-feira (24), o suspeito deixou o 14º DP (Pinheiros) , na zona oeste, com a cabeça enfaixada e foi levado para o 91º DP (Ceagesp), também na zona oeste, já que o 14º DP não possui carceragem.
Sulivan de Oliveira não falou com a imprensa. Oliveira deverá ser encaminhado ao CDP (Centro de Detenção Provisória).
O acidente aconteceu na noite deste domingo na esquina das ruas Aspicuelta e Fidalga, durante a passagem de um bloco de Carnaval.
AO TENTAR FUGIR, MOTORISTA ATROPELOU MOTOCICLISTA:
Segundo a polícia, dez pessoas foram atropeladas. Seis foram encaminhadas para o pronto-socorro municipal da Lapa, cinco delas com ferimentos leves e uma com fratura na tíbia. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) levou outra vítima ao Hospital das Clínicas.
Segundo testemunhas, o comerciante acelerou o carro na direção de um grupo de foliões que fechava a rua. Ele teria forçado a passagem em duas ocasiões --na primeira, atropelou as pessoas e, na segunda, passou por cima de uma moto e acabou ficando preso.
Ainda de acordo com testemunhas, a multidão avançou sobre o carro e começou a depredar o veículo e espancar o motorista e a mulher, que também estava no veículo.
Segundo a "Folha de S.Paulo", o comerciante afirmou que levou pontos na cabeça e nas mãos por causa das agressões que sofreu. Ele disse que acelerou o carro "para fugir da multidão".
A esposa de Cândido, Luana de Souza Siqueira, 29, admitiu que o marido havia bebido. Segundo ela, foram os foliões que avançaram sobre o carro e começaram a agredi-los, antes dos atropelamentos.
"As pessoas começaram a bater no carro, depois abriram a porta do meu lado e começaram a me bater", disse Luana ao Estado. "Ele (Cândido) acelerou para me proteger."
A região foi uma das que mais concentrou blocos de rua na capital ontem. Seis blocos circularam entre Pinheiros e Vila Madalena, um quarto dos que saíram em toda a cidade (24).

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2014/02/24/homem-que-atropelou-dez-e-autuado-por-embriaguez-e-continua-preso.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Justiça decide levar caso de aluno morto na Unicamp a júri popular:

estudante-denis-casagrande-que-foi-morto

A Justiça de Campinas (a 93 km de São Paulo) decidiu levar a júri popular os três acusados pela morte do estudante Denis Papa Casagrande, 21, que ocorreu dentro do campus da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O estudante de engenharia mecatrônica foi morto após ser agredido e levar uma facada no dia 21 de setembro do ano passado.
A decisão foi protocolada nesta segunda-feira (24) pelo juiz da 1ª Vara do Júri de Campinas, José Henrique Torres. André Ricardo de Souza Mota e o casal de namorados Maria Tereza Alexandrino Peregrino e Anderson Marcelino Ferreira Mamede foram denunciados pelo Ministério Público por homicídio triplamente qualificado.
No processo, Maria Tereza é apontada como autora do crime, e Anderson Mamede e André Motta são considerados cúmplices do homicídio. Ainda cabe recurso da decisão, mas os advogados dos réus não foram encontrados pelo UOL para comentar o caso. Agora, se a defesa não recorrer, o julgamento poderá ser marcado em um prazo de três meses.
O casal está detido preventivamente desde 27 de setembro do ano passado. André Motta responde ao processo em liberdade. Durante todo o tempo, os advogados tentaram reforçar a tese de que o crime foi cometido em legítima defesa.
Segundo o promotor público Fernando Viana, que denunciou o trio, a decisão do juiz não o surpreendeu. "O Ministério Público já esperava essa decisão. Agora, esperamos que a sociedade entenda que os réus praticaram um crime brutal", disse Viana.
O CASO:
Denis Papa Casagrande morreu após levar uma facada e ser espancado por um grupo de punks durante uma confusão generalizada em uma festa clandestina dentro do campus da Unicamp, no dia 21 de setembro de 2013.
Maria Tereza Peregrino, 20, confessou ter dado a facada que matou o estudante. O namorado dela, Anderson Mamede, 20, e André Motta, 22, também foram denunciados pelo crime.
Maria Tereza vem alegando legítima defesa desde o início do caso. Segundo ela, Casagrande a teria assediado em um local que era usado como banheiro. Já o MP afirmou que Dênis teria sido confundido com outra pessoa pela jovem.
Dois adolescentes acusados de participar da morte também foram apreendidos. Eles estão na unidade da Fundação Casa na região de Campinas. A punição máxima possível para ambos é de três anos de internação.
Um dos adolescentes tem 15 anos e o outro completou 18 após o crime, mas, como tinha 17 na ocasião, será julgado como menor. Ambos confessaram que faziam parte do grupo que agrediu Casagrande.

http://educacao.uol.com.br/noticias/2014/02/25/justica-decide-levar-caso-de-estudante-morto-na-unicamp-a-juri-popular.htm

Edited by JoelJunior15

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

Casal americano encontra US$ 10 milhões em moedas antigas e raras:

Moedas de ouro de 1847 a 1894 foram achadas em propriedade rural.

Especialistas afirmam que moedas raras estão em estado perfeito.
backyard-gold-bonanza_fran.jpg
Um casal de americanos encontrou uma fortuna por acaso, enquanto passeava com o cachorro em sua propriedade na região de Gold Country, no norte da Califórnia. Eles se depararam com US$ 10 milhões (o equivalente a R$ 23,4 milhões) em moedas de ouro raras e em perfeito estado enterradas na sombra de uma velha árvore.
Quase todas as 1.427 moedas, que datam de 1847 a 1894, estão exatamente como sairam da fábrica, disse David Hall, co-fundador do Serviço de Classificação de Moeda Profissional de Santa Ana, que recentemente as autenticou. Apesar de o valor impresso nas moedas somar cerca de US$ 27 mil, algumas delas são tão raras que especialistas em moedas dizem que elas podem alcançar quase US$ 1 milhão cada uma.
"Eu não gosto de dizer que algo só acontece uma vez na vida, mas você nunca tem uma oportunidade de lidar com esse tipo de material, um tesouro como esse", disse o especialista em moedas Don Kagin, que está representando o casal. "É como se eles tivessem encontrado um pote de ouro no final do arco-íris."
Kagin, cuja família está no negócio de moedas raras há 81 anos, disse pouco sobre o casal: apenas que eles são marido e mulher, são de meia idade e vivem há muitos anos na propriedade rural onde as moedas foram encontradas. Eles não têm ideia de quem as colocou lá, segundo Kagin.
Eles preferiram ficar anônimos, segundo o especialista, em parte para evitar uma corrida do ouro em sua propriedade por prospectores modernos, munidos com detectores de metal.
Eles também não querem ser tratados de maneira diferente, disse David McCarthy, chefe de numismática da empresa Kagin's Inc. "A preocupação deles é que isso mudasse a forma como todos olhariam para eles, e eles são muito felizes com o estilo de vida que têm hoje", diz.
Eles planejam colocar a maioria das moedas à venda através do site Amazon, ficando com apenas algumas de lembrança. O casal vai usar o dinheiro para pagar contas e fazer doações anônimas para serviços de caridade locais, de acordo com Kagin.
Antes de fazer as vendas, eles estão emprestando algumas à Associação Americana de Numismática para o evento National Money Show, que abre nesta quinta-feira em Atlanta.
O que faz de seu achado particularmente valioso, segundo McCarthy, é que quase todas as moedas estão em estado quase perfeito. Isso significa que quem quer que tenha guardado as moedas o fez assim que elas foram colocadas em circulação.
O dinheiro em papel era ilegal na Califórnia até os anos 1870, por isso é extremamente raro encontrar qualquer moeda de antes desse período com tanta qualidade.
As moedas, de valores de US$ 5, US$ 10 e US$ 20 foram armazenadas em ordem mais ou menos cronológica, segundo McCarthy, com as moedas da década de 1850, por exemplo, sendo colocadas em um recipiente até enchê-lo e depois passando para um novo recepiente. Isso indica que alguém estava depositando as moedas no local como se fosse um banco pessoal. Por causa da datação e do método, é improvável que elas tenham sido coletadas de uma só vez em um roubo, por exemplo.
Apesar de a maioria das moedas terem sido cunhadas em São Francisco, uma de US$ 5 veio da Geórgia.
Kagin e McCarthy também não deram muitas informações sobre a propriedade onde o tesouro foi encontrado. Disseram apenas que a descoberta foi feita em um local por onde os proprietários andaram durante anos. No dia em que as moedas foram encontradas, a mulher havia se inclinado para examinar uma lata enferrujada que a erosão tinha exposto no chão.
O casal apelidou o local de "Saddle Ridge" e Kagin está chamando a descoberta de "Saddle Ridge Hoard" (o tesouro escondido de Saddle Ridge). Ele acredita que essa pode ser a maior descoberta desse tipo na história dos Estados Unidos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...