Jump to content
Sign in to follow this  
Barbirotto

WhatsApp

Recommended Posts

Ramyen Matusquela

Pelo Wi-Fi do vizinho não funciona.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
.Sam.

Eu to usando pelo Wifi mais só o Wifi que é da rede privada ou VPN

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235
NOTÍCIAS
Criptografia do WhatsApp pode violar Constituição, diz MPF
GUSTAVO SUMARES 06/05/2016 12H05

20160411115630_660_420.jpg
(Foto: Reprodução)

O Ministério Público Federal (MPF) em Rondonópolis, no Mato Grosso, instaurou um procedimento para investigar a criptografia ponta-a-ponta utilizada pelo WhatsApp. Segundo o MPF, se esse tipo de criptografia não permite qualquer tipo de interceptação dos dados por terceiros, ele estaria em desacordo com a Constituição Federal.

Na visão do MPF, uma tecnologia desse tipo estaria em desacordo com o artigo 5º da Constituição, que permite a quebra de tal sigilo em situações excepcionais por ordem judicial. O texto do artigo 5º pode ser lido abaixo:

Art. 5º (...) XII - é inviolável o sigilo da correspondência e das comunicações telegráficas, de dados e das comunicações telefônicas, salvo, no último caso, por ordem judicial, nas hipóteses e na forma que a lei estabelecer para fins de investigação criminal ou instrução processual penal;

Esse tipo de criptografia ainda violaria, segundo o MPF, o parágrafo primeiro do artigo 10 do Marco Civil da Internet, de conteúdo semelhante. O artigo 10 do Marco Civil e seu parágrafo 1º podem ser lidos abaixo:

Art. 10. A guarda e a disponibilização dos registros de conexão e de acesso a aplicações de internet de que trata esta Lei, bem como de dados pessoais e do conteúdo de comunicações privadas, devem atender à preservação da intimidade, da vida privada, da honra e da imagem das partes direta ou indiretamente envolvidas.

§ 1o O provedor responsável pela guarda somente será obrigado a disponibilizar os registros mencionados no caput, de forma autônoma ou associados a dados pessoais ou a outras informações que possam contribuir para a identificação do usuário ou do terminal, mediante ordem judicial, na forma do disposto na Seção IV deste Capítulo, respeitado o disposto no art. 7o.

De acordo com o procurador da Repúblicaresponsável pela investigação, Guilherme Rocha Göpfert, essa restrição poderia favorecer o crime organizado e gerar danos à sociedade. Isso porque dificultaria a investigações de crimes envolvendo pedofilia e tráfico de drogas, por exemplo.

"O direito a initimidade, tal como os demais direitos fundamentais previstos na Constituição Federal, não é revestido de caráter absoluto, de forma que não pode ser utilizado para ocultar práticas criminosas", disse Göpfert.
OLHAR DIGITAL Edited by Victor235

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS
20160503044621_660_420.jpg

 

Veja 5 motivos pelos quais você pode ser banido do WhatsApp: http://bit.ly/1TyqLnX

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS
20160511131431_660_420.jpg

 

Aplicativo do WhatsApp para PC pouco se diferencia da versão web: http://bit.ly/24PO4F0

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoelJunior15

NOTÍCIAS
20160201212555_660_420.jpg

 

Agora está mais difícil acessar o WhatsApp em celulares apreendidos: http://bit.ly/1TbS2lP

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235
Citar

 

Não há como impedir que o WhatsApp repasse dados para o Facebook
 
Recentemente, o WhatsApp anunciou que compartiharia dados dos usuários com o Facebook, mas deixou uma opção no aplicativo para que os usuários aceitassem ou rejeitassem a medida. No entanto, a ferramenta tem pouco uso prático, como explicou a empresa: aqueles que desativarem a opção ainda terão seus dados compartilhados, apenas não visualizarão anúncios baseados nestes dados.

Leia no Olhar Digital: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/whatsapp-vai-compartilhar-seus-dados-com-o-facebook-mesmo-que-voce-nao-queira/61612

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
E.R

EXTRA

O WhatsApp começou a liberar para os usuários do Brasil a ferramenta que permite chamadas em vídeos para grupos.

Para realizar a videoconferência, basta começar uma chamada com outro usuário e, depois, usar o botão “adicionar participantes”.

O bate-papo pode reunir até quatro pessoas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
V1NT3
WhatsApp vai liberar opção para impedir que usuário seja colocado em grupo sem ter autorizado

Um dos recursos mais populares do WhatsApp — e também um dos mais controversos — recebeu um incremento no gerenciamento de privacidade. Até então não era possível impedir que administradores de grupos adicionassem livremente outros usuários aos grupos.

Para evitar ser incomodado com adições indesejadas, o aplicativo agora disponibiliza um filtro em que o usuário pode configurar quem poderá adicioná-lo aos grupos. São três opções:

  • Todos: Essa opção equivale ao modelo atual, que permite que qualquer administrador de grupo inclua novos membros no grupo sem que eles tenham solicitado o convite;
  • Meus contatos: Essa opção requer que o administrador esteja na lista de contatos de quem será adicionado ao grupo;
  • Meus contatos, exceto: Essa opção limita as opções aos contatos e ainda permite a criação de uma lista de pessoas impedidos de adicionar membros sem o consentimento do contato;

whatsapp1.jpg

 

 

Por enquanto, o novo recurso de privacidade em grupos está disponível apenas na versão beta.

 

Ronaldo Prass - G1 - Globo

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...