Entre para seguir isso  
Seguidores 0
Victor235

MÚSICA

192 posts neste tópico

Essa versão orquestrada de "Wind of Change" é fenomenal:

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, que letra fantástica!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Essa música é tão boba e tão legal ao mesmo tempo. Sei lá, tem algo nisso que faz eu ficar ouvindo novamente.

Tomara que seja um dos hits do Carnaval, mas acho difícil, só tem 7 mil views no Youtube.

[YouTube]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
NOTÍCIAS
Benedito Seviero, autor de Boate Azul, morre aos 84 anos
Por: Luís Antonio

Nascido em Boa Esperança do Sul, compositor sertanejo morreu em Santo André

123.jpg

A música sertaneja perdeu nesta quarta-feira (20) o compositor Benedito Seviero. O sertanejo morreu aos 84 anos, em Santo André, cidade em que será velado e sepultado.

Nascido em Boa Esperança do Sul em 20 de outubro de 1931, Benedito Onofre Seviero teve mais de mil composições gravadas por artistas do gênero a partir dos anos 50, quando teve a primeira composição gravada. A música era uma homenagem a Trabijú, na época distrito de Boa Esperança, canção cujo título, Santa Cruz da Serra, narrava a história do marco religioso cravado no alto do morro, como o nome sugere.

Ao longo de várias décadas, Seviero teve músicas gravadas por artistas como Pedro Bento e Zé da Estrada, Zilo e Zalo, Tião Carreiro e Pardinho e Trio Parada Dura, além de Chitaozinho e Xororó, Cesar e Paulinho e Gian e Giovani.

“Boate Azul” é sua canção mais celebrada. A música, que aborda a boemia, foi regravada dezenas de vezes, sendo as versões mais conhecidas lançadas por Joaquim e Manuel e Bruno e Marrone. Nela, o compositor trata a vida noturna, temática sempre presente em suas composições, como a solução para as doenças do amor – a “dama da noite” é a figura catalisadora desse sentimento.

O corpo do compositor será enterrado no cemitério de Camilópolis, em Santo André.
PORTAL MORADA

NOTÍCIAS
Autor de "Boate Azul", Benedito Seviéro morre aos 84 anos
João Pedro Feza

Ele também se tornou parceiro musical de Jotha Luiz, de Bauru: ‘Foi meu segundo pai na vida artística’

Reprodução/Youtube
Seviero.jpg
Seviéro costumava dizer: “Tô tão bom que, se piorar 50%, ainda fica legal”

O compositor Benedito Onofre Seviéro morreu nessa quarta-feira (20), aos 84 anos, em Santo André.

Ele foi autor de uma das letras mais conhecidas do cancioneiro nacional: “Boate Azul” (“Doente de amor / Procurei remédio na vida noturna...”.

“Tomaz, já falecido, foi autor da melodia. A música já teve umas mil regravações, inclusive fora do Brasil. Fiz a letra, que procura descrever bem o lugar – e o clima do lugar”, contou Seviéro ao JC em janeiro de 2013.

“Foi uma boate de Apucarana-PR que inspirou. Chamava ‘Boate Noite Azul’. Fomos fazer show com Tibagi e Miltinho. Naquela madrugada, morreu papa João 23 [3/6/1963] e não teve o show. Aqueles bêbados ficavam na porta da boate. Aquilo tudo ajudou a conduzir a letra”, disse na época.

“Boate Azul” enfrentou problemas com a censura e só foi liberada para valer em 1980 com a dupla Joaquim e Manoel. “Ninguém imaginava que iria ter tanto sucesso”.

Com centenas de músicas no currículo, Seviéro também foi jurado de festivais sertanejos pelo interior paulista.

Reprodução/Quioshi Goto
JL.JPG
Jotha Luiz com Seviéro em encontro há 4 meses

Em Bauru, teve um parceiro musical: Jotha Luiz. “Falei com ele faz uma semana. Chorei ao saber”, contou nessa quarta à tarde. “Ele tinha a mania de brincar com as pessoas ao telefone e, quando atendia, falava: ‘Mas cê tá vivo ainda?!”

Jotha e Seviéro chegaram, entre outras, a compor uma resposta para “Bobeou A Gente Pimba”, sucesso de Jotha e César Augusto gravada pelo Trio Parada Dura – e que recebeu o divertido nome de “O Pai Dela Chega e Pumba”. “Seviéro falava as verdades do cotidiano. Era meu segundo pai artístico logo depois de Nilton César. Temos obras a completar. Vou ter agora que terminar sozinho”, diz Jotha.

Outras de Seviéro

“Flor da Lama”
(com Paiozinho) – gravada por Milionário e Zé Rico

“Beco Sem Saída”
gravada por Trio Parada Dura

“Som de Cristal”
(com Tomaz)

“Seresteiro do Amor”
(com Leôncio/Leonel)

‘Dormindo’

Nascido em Boa Esperança do Sul, região de Araraquara, Seviéro deixa a esposa, Lourdes Domingas Santos Seviéro. Segundo a cunhada, Lourdes Dalva Santos, ele vinha fazendo exames. “Estava sentindo falta de ar. Fomos acordá-lo para o café, por volta de 9h, mas já tinha falecido”. Enterro: nesta quinta-feira (21), às 10h, no Cemitério de Camilópolis, em Santo André.
JCNET

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu instrumental chegou na Itália:



PS: que linda ^_^ Editado por Victor235

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tá virando famoso, hein Victor?! :P Muito bom. :joia:

E que gata é essa aí... Victor das novinhas.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tive um ataque orgasmico quando coloquei esse grave no som do carro:

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esses caras continuam surpreendendo.

Reggaezinho com letra foda sobre a comunicação virtual que aliena e afasta as pessoas do que se está mais próximo.

Editado por Victor235
1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma das melhores e mais obscuras músicas da banda.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma das melodias mais lindas que já ouvi...

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Clássica.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vejam que coisa maravilhosa:

Editado por Victor235

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma das melodias mais lindas que já ouvi...

Sim, com certeza embora esta não seja uma das minhas favoritas, mas gosto já é outra coisa.

Esses caras continuam surpreendendo.

Reggaezinho com letra foda sobre a comunicação virtual que aliena e afasta as pessoas do que se está mais próximo.

Muito interessante essa letra, enquanto a maioria das músicas de hoje nos chama a atenção para viver cada vez mais nesse "mundinho", esta é totalmente ao contrário nos mostrando que as coisas boas da vida estão na simplicidade.

Vejam que coisa maravilhosa:

[YouTube]

:love:

Nem precisava abrir o video pra concordar que é maravilhosa. :wub:

Mas a moça canta e toca muito bem e a música é muito bonita.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A música que ela cantou também é da dupla Henrique & Juliano, esta que comentamos acima.

E a moça é linda, canta e toca super bem. Gostei bem mais do que aquelas cantoras do Youtube super famosas, tipo Gabi Luthai e outras.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

'Eu acho que agora é a hora certa', revela Fantine sobre a volta do Rouge

fantine.jpg

Contrariando a entrevista que Li Martins concedeu ao TV Foco, onde ela dizia que o grupo Rouge não iria voltar, Fatine Tho disse que existe sim uma possibilidade. Na última segunda-feira (2) ela reuniu alguns fãs em um estúdio em São Paulo para lançar seu novo single, “My World”.

Em entrevista ao Papel Pop, ela falou sobre o possível retorno do grupo, e sobre as dificuldades e traumas que passou na época do auge.

“A exploração que nós sofremos foi traumática. Fomos ingênuas, acreditando que seriam justos com a gente. Mas já superamos. Hoje eu ate agradeço essa exploração, porque a nossa amizade foi um presente que ela trouxe. Eles nos escolheram e nos juntaram muito bem. Quase perfeitamente. Quando ficamos só as quatro foi sintonia pura, o que é muito difícil”.

Ela também confessou que Aline, Li Martins, Karin e ela têm vontade de “fazer um trabalho” juntas.

“Eu acho que agora é a hora certa, mas eu não posso falar mais porque não queremos decepcionar os fãs como aconteceu na Fábrica de Estrelas”, explicou ela, relembrando o reality do Multishow que prometeu reunir o grupo para uma turnê de despedida.

“Não queremos prometer. Queremos chegar com o trabalho pronto e falar ‘tá aqui!’ e é pra isso que estamos trabalhando. É um desafio que nos não sabemos se vai dar certo, mas estamos investindo, arriscando nisso”, completou.

A cantora garantiu que os direitos da marca Rouge já pertence a elas desde o começo do ano, porém, não falou se a Sony Music liberou as músicas.

“Não tem mais entrave. Venceu esse ano!, eles [os produtores antigos] acharam que ia cair no esquecimento, mas os fãs não deixaram isso acontecer. Além da nostalgia, de lá pra cá nós ganhamos experiências de vida e de palco que não tínhamos nem durante o Rouge e que fazem a diferença. Tudo isso agrega valor. O Rouge está mais forte do que nunca!”, finalizou.

Vale lembrar que os últimos vídeos que o grupo têm postado na página oficial do Rouge no Facebook, já contam com mais de 4 milhões de visualizações em poucos dias.



http://otvfoco.com.br/eu-acho-que-agora-e-a-hora-certa-revela-fantine-sobre-a-volta-do-rouge/
Editado por Mike Patton

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.