Jump to content
Sign in to follow this  
Victor235

Em cinco anos, cumprimos nossa missão: chegou a hora de fazermos um importante esclarecimento

Recommended Posts

Seu Furtado
É uma pena que um blog da envergadura do VdC encerre suas atividades. Sinto mais porque, entre idas e vindas, fiz parte da equipe praticamente desde o começo. Vi todo o seu caminhar. Mas é melhor fechar enquanto ainda vai bem do que encerrar em baixa.

Cometi um texto, a pedido do Victor, sobre o futuro do meio CH:
 
Marcado para morrer
“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou” – Eclesíastes 3

O meio CH atravessa sua pior fase desde que as primeiras páginas sobre o assunto surgiram na internet, no final dos anos 90. Os sites caem um a um. Os fóruns estão cada vez mais parados. Chaves, que antes mobilizava a audiência e era considerado o ‘coringa’ do SBT, hoje é uma atração secundária na grade da emissora. Do elenco original das séries, restam poucos atores vivos. Chapolin há muito tempo não dá as caras na emissora de Silvio Santos. Uma geração inteira nunca viu o Vermelhinho na televisão aberta. Todos estes fatores, uns mais, outros menos, contribuem para que o meio esteja em baixa.

A fanbase de Chaves e Chapolin sempre foi composta, em sua maioria, por jovens. Em uma das saídas de Chapolin da programação do SBT, um grupo de adolescentes foi protestar na frente da sede da emissora, na Via Anhanguera, em Osasco. Aos poucos, esse público foi envelhecendo. Ao assumir mais responsabilidades na vida, acabam deixando de lado o fanatismo e, por consequência, os fóruns e sites. Os usuários que “somem” do meio CH, na verdade, cresceram. E ainda que continuem gostando das séries, não tem mais o mesmo vínculo de outrora, já que seus interesses se dispersaram por vários temas.

Muitos membros antigos dos fóruns ainda se lembram de quando baixavam vídeos de episódios perdidos em péssima qualidade. Era a única forma de rever aquelas imagens. Hoje, quase tudo está disponível no YouTube. As informações que alguns sites traziam, como o fato do elenco não ter morrido em um acidente de avião ou o SBT ainda preservar episódios em seu arquivo sem exibi-los não são mais novidade. Fazer parte do meio CH era sinônimo de investigação. Tudo o que era para ser descoberto já foi, e o pouco que ainda resta provavelmente será desvendado em breve.

A queda do meio também faz parte do movimento rumo às redes sociais que a internet deu. Fóruns são meios que, apesar de ainda serem ativos, fazem parte de uma internet anterior à banda larga. Os sites, de templates toscos e programados em um HTML rudimentar, também. O mundo mudou, mas o meio CH continua muito semelhante ao que era.

Talvez a principal contribuição do meio tenha sido a formação de amizades que passaram do virtual para o real. Aquelas páginas, ainda que de forma torta, praticavam jornalismo. Muitos jornalistas tiveram seus primeiros textos e matérias publicadas nos sites. O meio CH caminha para a extinção? Talvez. Mas deixou suas marcas em cada um que passou pelos fóruns, pelos sites ou mesmo pelos eventos promovidos. Afinal, ser chavesmaniaco não é um estado de espírito: é uma condição.
 
Edited by Seu Furtado
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235

Obrigado, "Furtado". Você foi um dos participantes mais ativos da equipe apesar das séries de postagens não terminadas: esteve desde o início, desenvolveu sua escrita, cresceu junto com o blog. Ver sua opinião sobre este contexto é essencial. Tomara que outros da equipe também escrevam sobre, e possam se despedir do VdC.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Don_aCHiles

Vi esse blog nascer em 2011, e depois se tornou o melhor blog até porque tinha/tem uma equipe fantástica. Mas o VdC só fez esse sucesso todo porque o meio CH dava margem a isso, hoje em dia sabemos que não é a mesma coisa de antes. Eu como da célebre geração de 2011, afirmo novamente: Essa é a pior época que vi de Fórum e de meio CH.

Victor, queria te fazer um pedido: Mesmo eu não sendo da equipe (e nunca fui) eu também poderia tomar a liberdade de fazer um texto para ser publicado no blog. Seria um relato pessoal e geral do meio CH e do FUCH hoje, na minha visão óbvio.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235

Muito obrigado, Aquiles. Com certeza, tem toda a liberdade para escrever. Você vivenciou logo o início e também o desenvolvimento do VdC, e poderá falar de tudo de uma forma mais ampla, não só do blog mas também do contexto que o envolveu. Só escrever e me enviar que publico em seu nome ;) 

Rodrigo citou outras coisas relevantes que eu não havia pensado. De fato. a vinda frequente dos atores no Brasil acabou fazendo com que estas visitas perdessem relevância. São muito importantes, mas não é mais aquilo "olha só quem vai visitar nosso país!", pois já vieram antes.

Compartilho da mesma opinião preocupação do Rodrigo, que inclusive fez parte desta história. Se quiser, pode também escrever um texto sobre isto. Será importante termos várias visões expostas neste momento ;) 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoãoB

Bom gente, gostaria de dizer minha opinião sobre o Meio CH atualmente.

Eu devo ser uma das pessoas que está há mais tempo no Meio CH, porque comecei a entrar nos sites e acompanhar tudo sobre Chaves há mais de 10 anos. Mais precisamente, comecei em 2003. De lá pra cá, tudo mudou muito. Naquela época, parecia que qualquer coisa sobre CH, ainda que fosse algo simples, era uma grande novidade para os fãs. Alguns exemplos: quando o SBT exibiu pela primeira vez a cena final do episódio do Julgamento (1ª parte), em que o Chaves aparece de frente e de perfil, como se fosse um criminoso, foi muito comentado na internet. Ou quando encontraram no livro Jornal Nacional - A notícia faz história uma pequena citação à Chaves e Chapolin, de apenas duas linhas, na página 223, em que o jornalista Geneton Moraes Neto falava de como as séries CH ameaçavam a audiência do Jornal Nacional na década de 1990, foi muito comentado também. Os sites e fóruns eram frequentemente atualizados, trazendo informações sobre as séries. As histórias sobre os "episódios perdidos" e os episódios nunca apresentados no Brasil geravam muita discussão.

Só que, nessa época, as informações sobre CH no Brasil ainda eram muito escassas. A imprensa raramente falava das séries, e quando falava era pra falar mal, dizer que Chaves era "pobre", "tosco", "sem qualidade", etc. Não tinha DVDs, bonecos, livros, nem nada de CH vendendo por aí (na melhor das hipóteses, alguém encontrava aqueles bonecos da Abekas ou os gibis da Editora Globo, mas eles já eram antigos, foram lançados lá para o início dos anos 1990). As vindas dos atores ao Brasil eram raras. Quando o Edgar Vivar veio em 2003, foi uma grande festa, muita gente em todas as regiões do país se mobilizou para recebe-lo no aeroporto, ir assisti-lo no "Falando Francamente" do SBT, visitar ele no hotel...diria que foi como se o país estivesse indo receber a seleção brasileira depois de ganhar a Copa do Mundo. Então vejam: com tudo sobre CH sendo tão escasso assim no Brasil, era natural que antes qualquer notícia sobre CH mobilizasse todos. Eu também acho que as lendas e mistérios, como "Acapulco foi o último episódio com Quico?", "Quem é aquela Iara da sala, que só aparece em um episódio?" ajudavam a ter mais discussão no Meio CH. E se o SBT tirasse Chaves ou Chapolin do ar, faziam até abaixo-assinado pra voltar.

Com o tempo (e principalmente depois do lançamento do desenho do Chaves), isso mudou. Os mistérios foram solucionados, os episódios perdidos voltaram, episódios inéditos estrearam. As séries deixaram de ser exclusivas do SBT e foram para a TV Paga, para o Netflix e para o youtube. Os produtos, antes escassos, encheram no mercado graças ao desenho do Chaves. A imprensa agora trás mais informações e trata Chaves com mais respeito (ainda bem!). Agora todos já sabem praticamente tudo que há para saber sobre as séries. E se o SBT tirar do ar, pode até fazer falta, mas a maioria vai poder continuar assistindo em outros lugares. Assim, as novidades caíram e toda aquela mobilização que os fãs faziam por causa das séries já não acontece mais ou pelo menos não com a mesma força.  

Como já comentaram aqui, antes muitas pessoas que frequentavam os sites e fóruns CH eram pessoas jovens. Depois de um tempo elas tem que assumir mais responsabilidades, o que acaba as levando a frequentar menos o Meio CH ou até se desligar dele por completo (eu mesmo fiquei anos afastado aqui do fórum, embora continuasse vendo Chaves).  

Além disso, tem algo que acho que afetou e muito o meio CH (para mim, o mais importante): a morte de Chespirito, em novembro de 2014. Não é mais o mesmo ver Chaves depois disso, ficou uma sensação de vazio e de que o meio CH sem ele está "menos feliz". Claro, ele estará para sempre vivo em nossos corações. Mas ele faz falta. É difícil explicar, mas parece que uma parte da alegria em acompanhar tudo sobre CH foi embora com ele.

A vinda dos atores ao Brasil agora é mais frequente, mas não acho que isso a tornou sem relevância, ao contrário. Quando um ator vem, é uma correria pra conseguir ingresso, tentar se aproximar dele. Acredito que todos tem o sonho de ver de perto os atores. Com isso, a vinda dos atores ao Brasil é, para mim, a única coisa que realmente movimenta ainda o Meio CH atualmente. E, já que praticamente não tem mais nenhuma novidade sobre os episódios, a maioria das novidades que o Meio CH tiver agora vai ser por causa dos atores, como o projeto da Florinda Meza em voltar a fazer a Chimoltrúfia.

Apesar desse momento, há algo que acredito: Chaves é eterno. Mesmo que tudo se acabe, a obra de Chespirito continuará querida e amada para sempre.

Bem galera, é isso. :joinha:

Edited by JoãoB
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Chapolin

Fiquei fora do FUCH por uns 5 dias, e ai encontro essa notícia :P

Bom, primeiro eu queria dizer que acabei ficando triste com a notícia (E acho que ouvindo a música "Alone in the Town" me fez ficar ainda mais :ponder:).

Fiquei por pouco tempo nestes 5 anos de blog, mais fiquei triste com a notícia. E como eu respondi ao @Victor por mp, se os administradores do Vizinhança do Chaves acharam que essa foi a melhor ideia, eu apoio! Com muita tristeza, mais apoio :s_success: 

Então nesta próxima Sexta-Feira (09/12) farei a minha última postagem no blog, e também farei uma postagem de despedida. Mesmo que eu escreva poucas linhas, irei escrever algo para postar :joinha:

E por último, agradeço por terem me chamado para fazer parte desta equipe por esses 5/6 meses. Foi por pouco tempo, mais fui muito legal participar, e que bom que pude contribuir com algo também :s_success:

Share this post


Link to post
Share on other sites
JoãoB

Sobre o blog VdC, é uma pena que vai acabar. Eu estive afastado do Meio CH um tempo, mas voltei a participar dos fóruns este ano, vi o blog e achei ele muito bom! Textos muito bem escritos. Mas entendo a decisão. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Raphael

Um "até logo" ao VdC (não "adeus", pois que ele continue disponível na web para visualizações e consultas), de fato a missão foi cumprida, concentrou muito conteúdo e cresceu merecidamente, fazendo a diferença no Meio CH.

A decisão é compreensível, já foi dono de site CH que também durou exatamente 5 anos, era simples pra caramba, feito à base de recursos que eu tinha na época (inclusive marca meu período mais fraco, depois outros rumos e decisões me fizeram evoluir neste Meio), teve apenas a intenção de informar e ajudar fãs, mas quando percebi que seguia fraquejando... encerrei.

Parabéns aos envolvidos.

Share this post


Link to post
Share on other sites
JF CHmaníaco

É, chega ao fim um ciclo :) Entrei nesse blog esse ano (já acompanhava antes de conhecer os fóruns CH), aproveitando o convite que a administração fez pra preencher a vaga no Exibições na TV - SBT. Foi muito legal essa experiência de quase 7 meses, postando as exibições diariamente :D 

@Victor235 e @Billy Drescher: parabéns feras, por manterem o blog ativos durante esses 5 anos que se passaram. 5 anos de muito trabalho, que com certeza valeram a pena. Agora, é hora de se despedir, de maneira precoce, mas necessária. Até logo, VdC! :reverencia: 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Usagi White

:byecry:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235
11 horas atrás, JoãoB disse:

Bom gente, gostaria de dizer minha opinião sobre o Meio CH atualmente.

Eu devo ser uma das pessoas que está há mais tempo no Meio CH, porque comecei a entrar nos sites e acompanhar tudo sobre Chaves há mais de 10 anos. Mais precisamente, comecei em 2003. De lá pra cá, tudo mudou muito. Naquela época, parecia que qualquer coisa sobre CH, ainda que fosse algo simples, era uma grande novidade para os fãs. Alguns exemplos: quando o SBT exibiu pela primeira vez a cena final do episódio do Julgamento (1ª parte), em que o Chaves aparece de frente e de perfil, como se fosse um criminoso, foi muito comentado na internet. Ou quando encontraram no livro Jornal Nacional - A notícia faz história uma pequena citação à Chaves e Chapolin, de apenas duas linhas, na página 223, em que o jornalista Geneton Moraes Neto falava de como as séries CH ameaçavam a audiência do Jornal Nacional na década de 1990, foi muito comentado também. Os sites e fóruns eram frequentemente atualizados, trazendo informações sobre as séries. As histórias sobre os "episódios perdidos" e os episódios nunca apresentados no Brasil geravam muita discussão.

Só que, nessa época, as informações sobre CH no Brasil ainda eram muito escassas. A imprensa raramente falava das séries, e quando falava era pra falar mal, dizer que Chaves era "pobre", "tosco", "sem qualidade", etc. Não tinha DVDs, bonecos, livros, nem nada de CH vendendo por aí (na melhor das hipóteses, alguém encontrava aqueles bonecos da Abekas ou os gibis da Editora Globo, mas eles já eram antigos, foram lançados lá para o início dos anos 1990). As vindas dos atores ao Brasil eram raras. Quando o Edgar Vivar veio em 2003, foi uma grande festa, muita gente em todas as regiões do país se mobilizou para recebe-lo no aeroporto, ir assisti-lo no "Falando Francamente" do SBT, visitar ele no hotel...diria que foi como se o país estivesse indo receber a seleção brasileira depois de ganhar a Copa do Mundo. Então vejam: com tudo sobre CH sendo tão escasso assim no Brasil, era natural que antes qualquer notícia sobre CH mobilizasse todos. Eu também acho que as lendas e mistérios, como "Acapulco foi o último episódio com Quico?", "Quem é aquela Iara da sala, que só aparece em um episódio?" ajudavam a ter mais discussão no Meio CH. E se o SBT tirasse Chaves ou Chapolin do ar, faziam até abaixo-assinado pra voltar.

Com o tempo (e principalmente depois do lançamento do desenho do Chaves), isso mudou. Os mistérios foram solucionados, os episódios perdidos voltaram, episódios inéditos estrearam. As séries deixaram de ser exclusivas do SBT e foram para a TV Paga, para o Netflix e para o youtube. Os produtos, antes escassos, encheram no mercado graças ao desenho do Chaves. A imprensa agora trás mais informações e trata Chaves com mais respeito (ainda bem!). Agora todos já sabem praticamente tudo que há para saber sobre as séries. E se o SBT tirar do ar, pode até fazer falta, mas a maioria vai poder continuar assistindo em outros lugares. Assim, as novidades caíram e toda aquela mobilização que os fãs faziam por causa das séries já não acontece mais ou pelo menos não com a mesma força.  

Como já comentaram aqui, antes muitas pessoas que frequentavam os sites e fóruns CH eram pessoas jovens. Depois de um tempo elas tem que assumir mais responsabilidades, o que acaba as levando a frequentar menos o Meio CH ou até se desligar dele por completo (eu mesmo fiquei anos afastado aqui do fórum, embora continuasse vendo Chaves).  

Além disso, tem algo que acho que afetou e muito o meio CH (para mim, o mais importante): a morte de Chespirito, em novembro de 2014. Não é mais o mesmo ver Chaves depois disso, ficou uma sensação de vazio e de que o meio CH sem ele está "menos feliz". Claro, ele estará para sempre vivo em nossos corações. Mas ele faz falta. É difícil explicar, mas parece que uma parte da alegria em acompanhar tudo sobre CH foi embora com ele.

A vinda dos atores ao Brasil agora é mais frequente, mas não acho que isso a tornou sem relevância, ao contrário. Quando um ator vem, é uma correria pra conseguir ingresso, tentar se aproximar dele. Acredito que todos tem o sonho de ver de perto os atores. Com isso, a vinda dos atores ao Brasil é, para mim, a única coisa que realmente movimenta ainda o Meio CH atualmente. E, já que praticamente não tem mais nenhuma novidade sobre os episódios, a maioria das novidades que o Meio CH tiver agora vai ser por causa dos atores, como o projeto da Florinda Meza em voltar a fazer a Chimoltrúfia.

Apesar desse momento, há algo que acredito: Chaves é eterno. Mesmo que tudo se acabe, a obra de Chespirito continuará querida e amada para sempre.

Bem galera, é isso. :joinha:

João, obrigado por seu depoimento, que é rico em detalhes. Também estou há mais de dez anos no "meio CH" (conheci e comecei a participar dele em 2005). Justamente, é esta falta de novidades que estagna nosso meio. São essas novidades, que antes surgiam a qualquer momento e agora se esgotaram, e não o que já é sabido e continuará sendo reproduzido que, inegavelmente, movimentam fóruns e sites CH. Sem estas novidades, ficamos com um cenário ruim.

Concordo com você. Uma diferença em relação ao quarto parágrafo: eu continuo frequentando os fóruns e o "meio CH", mas confesso que não assisto as séries CH há meses! Sobre os atores, não quisemos dizer que as visitas não tem importância, e sim que se tornaram algo "banal", no sentido de que é algo que, caso perdermos neste ano, terá de novo no ano que vem. Não fica mais uma coisa "Nossa, olha só quem virá para o Brasil!!".

Gostei muito do seu texto, poderia até virar um artigo para encerrar o VdC (outras pessoas farão textos, sinta-se convidado).

10 horas atrás, Chapolin disse:

Fiquei fora do FUCH por uns 5 dias, e ai encontro essa notícia :P

Bom, primeiro eu queria dizer que acabei ficando triste com a notícia (E acho que ouvindo a música "Alone in the Town" me fez ficar ainda mais :ponder:).

Fiquei por pouco tempo nestes 5 anos de blog, mais fiquei triste com a notícia. E como eu respondi ao @Victor por mp, se os administradores do Vizinhança do Chaves acharam que essa foi a melhor ideia, eu apoio! Com muita tristeza, mais apoio :s_success: 

Então nesta próxima Sexta-Feira (09/12) farei a minha última postagem no blog, e também farei uma postagem de despedida. Mesmo que eu escreva poucas linhas, irei escrever algo para postar :joinha:

E por último, agradeço por terem me chamado para fazer parte desta equipe por esses 5/6 meses. Foi por pouco tempo, mais fui muito legal participar, e que bom que pude contribuir com algo também :s_success:

Pois é, a tomada da decisão e o momento de envio dos avisos para vocês foi triste, mas a decisão foi necessária.

Também recordando nossa MP, só tenho a te parabenizar. Foi muito empenhado e dedicado na sua busca de informações, referências, citações... Obrigado pelas grandes e atentas contribuições ao Vizinhança do Chaves!

Também gostamos de sua participação, e vamos continuar nos falando hein :P

5 horas atrás, JoãoB disse:

Sobre o blog VdC, é uma pena que vai acabar. Eu estive afastado do Meio CH um tempo, mas voltei a participar dos fóruns este ano, vi o blog e achei ele muito bom! Textos muito bem escritos. Mas entendo a decisão. 

Muito obrigado, João! :joinha:

Só uma coisa: seu nick nos anos de ouro do meio CH era o mesmo que o atual?

2 horas atrás, Raphael disse:

Um "até logo" ao VdC (não "adeus", pois que ele continue disponível na web para visualizações e consultas), de fato a missão foi cumprida, concentrou muito conteúdo e cresceu merecidamente, fazendo a diferença no Meio CH.

A decisão é compreensível, já foi dono de site CH que também durou exatamente 5 anos, era simples pra caramba, feito à base de recursos que eu tinha na época (inclusive marca meu período mais fraco, depois outros rumos e decisões me fizeram evoluir neste Meio), teve apenas a intenção de informar e ajudar fãs, mas quando percebi que seguia fraquejando... encerrei.

Parabéns aos envolvidos.

Muito obrigado, Raphael! Esta época onde todos criavam sites era muito boa. Ao mesmo tempo em que informávamos a comunidade, fomos melhorando e aperfeiçoando a nós mesmos, não só dentro do "meio CH" mas também como pessoa, por exemplo, ao desenvolver cada vez melhor nossa escrita. Todo mundo que teve site contribuiu muito para os outros e para si próprio, e o saldo de tudo foi muito positivo.

1 hora atrás, JF CHmaníaco disse:

É, chega ao fim um ciclo :) Entrei nesse blog esse ano (já acompanhava antes de conhecer os fóruns CH), aproveitando o convite que a administração fez pra preencher a vaga no Exibições na TV - SBT. Foi muito legal essa experiência de quase 7 meses, postando as exibições diariamente :D 

@Victor235 e @Billy Drescher: parabéns feras, por manterem o blog ativos durante esses 5 anos que se passaram. 5 anos de muito trabalho, que com certeza valeram a pena. Agora, é hora de se despedir, de maneira precoce, mas necessária. Até logo, VdC! :reverencia: 

Quem diria! Você conheceu o Vizinhança antes dos fóruns?

Muito obrigado aos elogios, Joel, que você sabe que são recíprocos. Você é um dos pilares do futuro do "meio CH" ;) 

Obrigado por todas as contribuições e bata ponto até dia 20 :assobiando: 

1 hora atrás, Usagi chan disse:

:byecry:

Obrigado pelo carinho de sempre, Pópis :joinha:

Edited by Victor235
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
JF CHmaníaco

Só não curti porque já estourei os likes :P 

Sim, conheci. Eu conferia as exibições pra anotar no meu caderno no VdC antes de conhecer os fóruns.

E valeu pelos elogios :D 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lucas Fernando

E mais um site fecha suas portas :(

Acompanhei, um tanto de longe, a trajetória do VdC e sempre admirei o trabalho e empenho da equipe, que em pouco tempo transformou o blog em um dos portais mais completos, atualizados e visualizados dos últimos tempos em relação a CH. No começo me perguntava sobre a questão do site não investir em downloads, que era um dos nichos mais explorados pelos fãs, mas o tempo mostrou que foi uma decisão bem acertada. Hoje os fóruns enfraqueceram demais depois que perderam seu maior pilar de sustentação, graças à arrogância de um conglomerado que deveria nos apoiar.

A questão do esfriamento do Meio CH também é um fator irreversível, infelizmente. Ainda me lembro do "tesão" que era entrar em um site CH lá por 2005. Era uma sensação quase indescritível, que infelizmente nunca mais terei. Hoje tudo se tornou simples, banal... Nem a morte de Rubén Aguirre teve a repercussão que merecia, embora a tristeza tenha pegado a todos. O SBT ainda nos deve episódios, mas sabe Deus quando irá liberá-los... E se um dia o fizer, não terá nem metade das expectativas da década passada ou de 2011 à 2014.

Enfim, fico muito triste com esta notícia. Poucas coisas no Meio CH, como o VdC, ainda davam um certo gás para continuarmos levando em frente o legado de Chespirito. Isso desanima muito :(

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...