Jump to content
Sign in to follow this  
Chapolin

Copa do Mundo 2022

Recommended Posts

E.R
NOTÍCIAS

https://www.uol.com.br/esporte/futebol/colunas/marcel-rizzo/2020/08/18/em-meio-a-briga-judicial-relatorio-da-fifa-poe-globo-com-maior-audiencia.htm

Em meio a uma disputa jurídica com a Globo por causa do não pagamento de parcela do contrato, a Fifa enviou a seus filiados relatório detalhado da audiência da Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

E o texto cita a emissora brasileira como a que "de longe" teve a maior média de audiência entre as televisões mundo afora.

Segundo o documento, a Globo alcançou média de 23,7 milhões de espectadores por hora, bem à frente da segunda colocada, a russa Channel One, com 14,3 milhões.

A medição é feita com base em jogos transmitidos ao vivo, mas também reprises e programas que tenham noticiário do Mundial.

Os números do relatório foram enviados à Fifa por agências oficiais dos países com dados de audiência, com ajuda da Publicis Media Sport & Entertainment (PMSE), empresa especializada em diagnósticos do alcance de eventos desportivos, e compilados pelo departamento da entidade que vende os direito de transmissão.

Esses números comprovam algo que é falado nos bastidores da Fifa e da Globo : a pendenga jurídica não deve fazer com que os parceiros rompam definitivamente.

Enquanto a emissora não gostaria de perder a Copa do Mundo de 2022, o filé do contrato vigente (que tem também Mundial de Clubes, torneios de base, etc), a federação internacional sabe que hoje a única emissora aberta com alcance no Brasil para valorizar seu produto é a Globo.

Mesmo assim a Fifa recorreu da decisão da Justiça do Rio de Janeiro que suspende o pagamento da Globo pelo contrato.

A emissora carioca alega necessidades econômicas de se renegociar contratos em função da pandemia. O valor suspenso corresponde à parcela anual desse contrato, de US$ 90 milhões (R$ 495 milhões) e deveria ter sido pago em 30 de junho. O caso será julgado na segunda instância pela 14ª Câmara Cível do Rio.

Em contato com o blog em junho, logo depois de a Globo conseguir na Justiça frear o pagamento da parcela por meio de liminar, um porta-voz da Fifa disse que esperava que a emissora honrasse com o pagamento e que a entidade apoiava os parceiros e tentava um diálogo construtivo. Dava a entender, portanto, que não ficaria inerte.

Mas se a Fifa acha a Globo seu melhor parceiro para o Brasil por que brigar na Justiça ? O blog apurou que essa atitude serve para dar recado a outras empresas parceiras que poderiam tentar a mesma manobra. A entidade avalia que o caso deva chegar na Corte Arbitral da Suíça, onde aí sim as partes sentarão para conversar e um acordo pode sair.

Se conhecia até agora somente o número total da audiência da Copa-2018, 3,57 bilhões de espectadores. Os números destrinchados, porém, mostram que a grande maioria, 3,26 bilhões, continua sendo de pessoas que veem as partidas em suas casas em televisores.

O restante, 310 milhões, se divide em acompanhar os jogos em eventos abertos, como Fan Fests, bares ou restaurantes e por streaming em celulares, tablets ou computadores.

O jogo mais visto, como sempre, foi a final. França 4 x 2 Croácia teve audiência de 1,12 bilhão de pessoas.

O Brasil teve dois jogos entre os mais assistidos, contra o México (7º) e frente a Bélgica (8º).

 

Share this post


Link to post
E.R
NOTÍCIAS

https://www.efe.com/efe/brasil/destacada/fifa-classifica-como-historica-a-reforma-trabalhista-no-catar/50000238-4332742

A Fifa considerou "histórica" a reforma trabalhista no Catar, país que sediará daqui dois anos a Copa do Mundo masculina, de acordo com comunicado divulgado pela entidade esportiva.

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, agradeceu as autoridades do Catar e a Organização Internacional de Trabalho (OIT) pelo esforço coletivo pela "mudança positiva", relacionada ao mercado de trabalho local.

"Ainda assim, há espaço para um avanço ainda maior", destaca o dirigente que pediu uma agenda progressiva em prol dos trabalhadores no emirado.

A nova lei anunciada no domingo pelo Ministério do Trabalho do Catar também inclui um salário mensal mínimo de 1 mil riales (R$ 1.475), que é algo inédito no país, segundo lembrou a própria Fifa.

Além disso, os trabalhadores ainda receberão 500 riales (R$ 737,60) para alojamento, e 300 riales (R$ 442,56) para alimentação, desde que estes valores não estejam previstos no contrato, aponta o Departamento de Trabalho local.

Nos últimos anos, diversas ONGs denunciaram as más condições de trabalho dos operários que atuam em obras ligadas à Copa do Mundo de 2022. A organização local do torneio admitiu que 34 pessoas morreram por diferentes causas, nos últimos seis anos.

 

Share this post


Link to post

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...