Jump to content
Sign in to follow this  
Marcos Albino

Xbox One

Recommended Posts

Marcos Albino

Microsoft aposta em melhor gráfico e em entretenimento no novo Xbox


A Microsoft se prepara para causar impacto na terça-feira (21) com o lançamento da aguardada nova geração do console de videogames Xbox, oito anos após a chegada da última versão do aparelho, o Xbox 360.

A companhia busca uma fatia maior na indústria de jogos, que movimenta US$ 65 bilhões por ano, mas o dispositivo enfrentará grande concorrência do PlayStation 4, da Sony, e do Wii U, da Nintendo, em um mercado que está em transformação.

sem-titulo-2_1.jpg

"Os jogadores estão muito ansiosos por uma nova máquina, mas a diferença entre 2005 e agora é que os riscos são muito maiores", disse o editor-executivo de entretenimento do site "IGN", Ryan McCaffrey, comentando o lançamento da última versão do Xbox.

"Toda a experiência Xbox da Microsoft era para ser a peça central da sala de estar." Tendo em vista essa meta, os observadores da indústria estão esperando uma série de melhorias no novo Xbox, quando a Microsoft lançar o produto em sua sede, em Redmond, Washington, na terça-feira.

A expectativa é que o aparelho traga uma maior integração com dispositivos móveis de conteúdo, até mesmo exclusivo, além do grande salto na qualidade dos gráficos dos jogos.

Consoles de videogames ainda abocanham a parte de leão do crescente mercado de jogos -- cerca de 42% dos US$ 65 bilhões, segundo a Microsoft. Mas ganham terreno rapidamente os jogos em smartphones e tablets, num desdobramento das redes sociais.



http://g1.globo.com/tecnologia/games/noticia/2013/05/microsoft-aposta-melhores-graficos-e-em-entretenimento-no-novo-xbox.html

Share this post


Link to post
Share on other sites
Chandler

720?

Share this post


Link to post
Share on other sites
José Antonio

720?

Pois é :lol:

Foi anunciado que será Xbox one. Titulo alterado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lucas de Brito

Microsoft tá dando um tiro no próprio pé focando muito mais na TV do que nos games em si... Acho que o PS4 irá superar.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Andy

Segue umas montagens acerca do XBox one:

AJS7VHe.gif

ku-xlarge.jpg

E também postaram em um Twitter (que já foi retirado do ar): "Microsoft is down, call an ambulance Wii U Wii U Wii U Wii U".

Share this post


Link to post
Share on other sites
MVNS

A Microsoft só está ferrando com o console. Taxa para jogos usados?! Conexão uma vez por dia?!
http://www.youtube.com/watch?v=39YYyhKaQYQ

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lucas F T

Microsoft, ou ta querendo se lascar de vez nos games pra retirar produto do ar e ficar só com informatica, ou estão querendo transformar o X-box numa marca de pc e o primeiro passo para ele é dificultar o lado gamer. Sério, a Microsoft vai pelejar e muito com essas idéias, só fanboy mesmo que vai sustentar isso ainda.

Share this post


Link to post
Share on other sites
José Antonio

NOTÍCIAS
Microsoft volta atrás e Xbox One rodará usados e funcionará offline

xbox-one-1371672739709_450x253.jpg
Microsoft voltará atrás de seus planos anunciados anteriormente para o Xbox One.

A Microsoft voltará atrás e removerá todas as políticas que restringem o uso do Xbox One offline e suas limitações relativas ao compartilhamento de jogos em disco. Segundo a companhia, a medida foi tomada em resposta ao feedback da sua comunidade de fãs.

Durante a E3 2013, a Sony anunciou que o principal concorrente do Xbox One, o PS4, não seria restringido por nenhuma das políticas que tinham sido anunciadas anteriormente pela Microsoft.

No novo plano da empresa, uma conexão online só será necessária para configurar o console uma primeira vez, de forma que todos os jogos, baixados ou em disco, funcionarão tanto com ou sem acesso à internet. Além disso, travas de região e as imposições que impossibilitam a troca e o empréstimo livre de games também serão removidas.

Veja o que mudará no Xbox One em comparação com as informações anunciadas originalmente pela Microsoft:

. Sem exigência de conexão online para rodar jogos

. O console não precisará efetuar checagens online à cada 24 horas

. Sem bloqueio de região

. Sem restrições para emprestar jogos

. Sem restrições para rodar jogos usados

. Conexão online será pedida somente na configuração do console

. Todos os jogos baixados rodarão tanto online quanto offline

. Assim como no X360, o disco deve estar no leitor para rodar o game


As informações foram confirmadas pela Microsoft nesta página, em inglês, através de um comunicado oficial redigido pelo diretor da divisão Xbox da empresa, Don Mattrick.

Veja uma tradução integral do comunicado:

"Seus comentários importam - atualização sobre o Xbox One

Na última semana, durante a E3, toda a empolgação, criatividade e o futuro da nossa indústria estava em exposição para uma audiência global.
Para nós, o futuro vem na forma do Xbox One, um sistema projetado para ser o melhor lugar para jogar games neste ano e pelos muitos anos adiante. Como já faz parte do nosso legado com Xbox, projetamos o sistema para tirar total vantagem dos avanços da tecnologia a fim de entregar uma experiência inovadora em termos de controles e diversão. Imaginamos todo um novo conjunto de benefícios, como maior mobilidade, compartilhamento com a família e novas formas de testar e comprar jogos. Acreditamos nos benefícios de um futuro digital, conectado.
Desde que revelamos nossos planos para o Xbox One, meu time e eu ouvimos diretamente de muitos de vocês, lemos seus comentários e escutamos seu feedback. Eu gostaria de aproveitar a oportunidade hoje para agradecer a todos vocês pela ajuda em nos ajudar a reformar o futuro do Xbox One.
Vocês nos contaram o tanto que amam a flexibilidade que existe hoje com jogos em disco. A possibilidade de emprestar, compartilhar e revender esses jogos à vontade é de incrível importância para vocês. Também é importante para vocês a liberdade de jogar offline, por quanto tempo quiser, em qualquer lugar do mundo.
Então, hoje estou anunciando as seguintes mudanças para o Xbox One e como você pode jogar, compartilhar, emprestar e revender seus jogos exatamente da mesma maneira que você faz hoje em dia com o Xbox 360. Veja o que isso tudo significa:

. Uma conexão com a internet não vai ser exigida para jogar offline games de Xbox One -

Depois de uma ativação única com um novo Xbox One, você pode jogar qualquer game em disco sem precisar conectar online novamente. Não há exigência de conexão a cada 24 horas e você pode levar seu Xbox One para onde quiser e jogar seus jogos, exatamente como no Xbox 360.

. Trocar, emprestar, revender, dar de presente e alugar jogos em disco do mesmo jeito que você faz hoje -

Não haverá limitações para usar e compartilhar jogos, tudo vai funcionar da mesma maneira que no Xbox 360.
Além de comprar um disco de uma loja, você também pode fazer download de games da Xbox Live no dia de lançamento. Caso você escolha fazer download do game, você poderá jogá-lo offline do mesmo jeito que faz hoje em dia. Jogos de Xbox One serão jogáveis em qualquer console Xbox One - não haverá restrições regionais.
Essas mudanças vão afetar algumas das situações que anunciamos anteriormente sobre o Xbox One. O compartilhamento de jogos vai funcionar da mesma maneira que hoje em dia, você simplesmente compartilha o disco. Jogos adquiridos via download não poderão ser compartilhados ou revendidos. Além disso, da mesma maneira que hoje em dia, jogar games em disco exigirão ter o disco na bandeja de discos do console.
Aprecisamos muito sua paixão, apoio e boa vontade de desafiar os pressupostos do licenciamento digital e conectividade. Apesar de ainda acreditarmos que a maioria das pessoas vai jogar games online e acessar a nuvem tanto para jogos quanto entretenimento, daremos aos consumidores a escolha entre conteúdo em mídia física e digital. Nós ouvimos e escutamos alto e claro o comentário de que vocês querem o melhor dos dois mundos.
Obrigado mais uma vez por seus comentários sinceros. Nossa equipe continua comprometida a escutar, receber comentários e entregar um grande produto no final deste ano."

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
MVNS

NOTÍCIAS
Microsoft volta atrás e Xbox One rodará usados e funcionará offline

mer**, e eu achando que finalmente iria ver a Microsoft se fudendo <_<

Edited by MVNS

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lucas de Brito

Microsoft arregou bonito agora. Pelo menos vamos ter mais uma grande disputa na 8ª geração. :D

Share this post


Link to post
Share on other sites
José Antonio

Por R$ 2,2 mil, Xbox One brasileiro é disparado o mais caro do mundo
Console chega a ser R$ 700 mais caro do que na Dinamarca, país com o segundo preço mais alto

O chamado "custo-Brasil" é uma realidade implacável para quem está acostumado a acompanhar o preço dos eletrônicos lançados no país. Com o Xbox One, novo console de games da Microsoft, não é diferente. O dispositivo chega ao país como o preço mais alto do mundo, R$ 700 mais caro do que o segundo colocado.

A pré-venda do videogame começou na última quarta-feira, 26, por R$ 2.199. Depois do Brasil, o país que receberá o console mais caro é a Dinamarca, onde ele custará 3.899 coroas dinamarquesas, equivalentes a R$ 1.490. Logo em seguida, aparece a Suíça, onde o console custa 629 francos suíços, ou R$ 1.460.

O Xbox One será lançado, inicialmente, em 21 países, sendo alguns deles da Zona do Euro, onde o preço é único de 499 euros (R$ 1.420). O Olhar Digital fez um levantamento com os preços oficiais em todos eles.

O Canadá aparece com o dispositivo mais barato, oferecido por 499 dólares canadenses, equivalente a R$ 1.040. Os Estados Unidos vêm logo em seguida, com o dispositivo valendo US$ 499, que equivalem a R$ 1.095.

20130626215852.jpg


*(Zona do Euro inclui Alemanha, Áustria, Bélgica, Finlândia, França, Holanda, Irlanda e Itália)

http://olhardigital.uol.com.br/jovem/digital_news/noticias/por-r-2,2-mil,-xbox-one-brasileiro-e-disparado-o-mais-caro-do-mundo

Share this post


Link to post
Share on other sites
José Antonio

NOTÍCIAS

Quem é mais poderoso: PS4 ou Xbox One? Microsoft diz que discussão não faz sentido

Avaliar qual console é mais poderoso internamente é uma “discussão sem sentido”, diz um executivo do Xbox, “porque as pessoas estão falando de coisas que elas não entendem”. No geral, ele tem razão. Só que aí ele mesmo começou a falar das entranhas de seu console.

“Eles [leia-se Sony] realmente vão lá e falam sobre como estão orgulhosos por terem usados partes prontas para seu produto”, disse Albert Penello, chefe do planejamento de produto para o Xbox, à Official Xbox Magazine. “Nossos caras te dirão que tocaram em cada componente dentro da caixa e que tudo lá foi ajustado para ter o melhor desempenho”.

xbox1.jpg

Se eSRAM e DDR e outras siglas estão tão distantes do conhecimento geral do público, então por que alguém daria a mínima se os engenheiros usaram partes prontas ou se gente com casacos da Microsoft em laboratórios mexeram em cada detalhe dentro do sistema?

Antes de falar isso, Penello tinha mesmo razão. As pessoas discutem sobre as especificações mesmo sem saber sobre o que estão falando, porque esse é um pretexto para colocar algum tipo de objetividade na discussão mais sentido do mundo: Meu console é melhor do que o seu. Não, senhor. Sim, senhor. De jeito nenhum. Prove! Certo, aqui vai um monte de jargões baseados em números.

Não quero dizer aqui que o hardware não importa. O Xbox 360 foi, e em alguns aspectos ainda é, uma máquina pobremente construída, a começar por todos os problemas de superaquecimento, até chegar no constante barulho de motosserra de seu ventilador.

Não se esqueça que os primeiros modelos precisavam de um periférico especial para usufruir do Wi-Fi. Sua compatibilidade com jogos da geração passada, quando as pessoas ainda se importavam com isso, tinha sérios problemas com uma quantidade enorme de títulos importantes. Hoje em dia, a estúpida e desnecessária porta onde fica a entrada USB no Xbox 360 é mais um problema de qualidade vital para mim do que as diferenças de sua placa em relação ao PS3.

ps4.jpg

Eu gostava mais das coisas quando realmente estávamos falando sobre decisões e características que afetavam os jogadores – como a política do DRM do Xbox One –, e não das fronteiras gráficas hipotéticas de um console e de quanto tempo levaria para que elas fossem superadas.

Fora que o conteúdo de ambos os consoles pode ser literalmente idêntico. E todo mundo sabe que, no fundo, eles ainda serão inferiores a um PC poderoso para jogar games.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Barbirotto

No Brasil, Xbox One sem Kinect custa R$ 2 mil, metade do PS4

xbox-one-console.jpg

O modelo do Xbox One sem o Kinect será vendido por R4 2 mil no Brasil, metade do preço do PlayStation 4, da Sony, comercializado no país. O valor é R$ 300 a menos do que o modelo vendido com o sensor Kinect no país.
O PS4 é vendido por R$ 4 mil enquanto o Xbox One com Kinect custa R$ 2,3 mil.
O novo modelo será vendido a partir de junho, junto com o lançamento nos Estados Unidos, previsto para o dia 9 do mesmo mês.
O anúncio para o mercado brasileiro acontece horas depois de a empresa anunciar uma versão mais barata do videogame de nova geração sem o sensor de movimentos Kinect, o que nos Estados Unidos reduz em US$ 100 seu preço. Enquanto no Brasil o console custa a metade do rival, com a mudança o Xbox One fica com o mesmo preço do PS4, que é de US$ 400.
A empresa não informou se o Kinect do Xbox One será vendido de forma avulsa e qual o preço do acessório.
O preço de US$ 500, US$ 100 a mais do que o concorrente, foi um dos principais fatores para fazer com que a Sony largasse na frente nas vendas da nova geração. O PS4 já passou de 7 milhões de unidades vendidas no mundo enquanto o Xbox One tem 5 milhões de aparelhos vendidos. Os dois consoles foram lançados em novembro de 2013 com poucos dias de diferença.
Sem o Kinect, os usuários não podem usar comandos de voz para controlar o videogame e dentro de jogos, fazer ligações pelo Skype ou jogar títulos que usam o sensor de movimento como "Kinect Sports Rivals" e "Just Dance 2014". Todos os outros títulos e recursos do console, inclusive a possibilidade de se assistir TV pelo videogame, estão mantidos.
"Ouvimos que vocês querem mais opções ao comprar o Xbox One, por isso lançamos o console sem o Kinect. Mesmo assim, continuamos acreditando na nossa visão que o Kinect é parte importante dos nossos serviços. Mais de 80% dos nossos usuários usam os recursos do sensor todos os dias", disse Phil Spencer, chefe da área de Xbox na Microsoft.
Em junho a Microsoft passará a fazer a promoção Games with Gold, que dá games de graça para assinantes da rede Xbox Live no Xbox 360, no Xbox One. Ainda, aplicativos como Netflix, Twitch e outros, que hoje exigem ter uma conta Gold, não exigirão mais o recurso e qualquer usuário da Xbox Live poderá usar estes recursos.

http://g1.globo.com/tecnologia/games/noticia/2014/05/no-brasil-xbox-one-sem-kinect-custa-r-2-mil-metade-do-ps4.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...