Jump to content
Sign in to follow this  
Clark Kent

Tecnologia

Recommended Posts

Luciano Junior

Matéria interessante sobre o modo escuro dos apps:

O modo escuro é realmente vantajoso para a visão e a bateria do celular?

06014245082330-t1200x480.jpg

Com tantos aplicativos e até sistemas operacionais adotando o novo tema escuro, tão pedido pelos usuários, algumas pessoas ainda não compreenderam as vantagens do novo esquema de cores, tampouco em quais casos os benefícios são reais ou não.

Intuitivamente pensamos que cores mais escuras são menos agressivas aos olhos e, por emitirem menos luz, economizam bateria. Embora correta, essa afirmação não se aplica a todos os casos. Na verdade, a nossa visão é beneficiada com tons escuros somente quando estamos em ambientes com pouca — ou nenhuma — claridade.

06014123459328.jpg?w=700

A predominância da cor branca com texto em preto, no entanto, proporciona melhor leitura, independentemente do ambiente. Essa característica é resultado da natureza dos nossos olhos e das propriedades da luz. Quando dominante, a cor branca faz com que a íris se contraia para permitir menor passagem de luz, o que torna o conteúdo da tela mais nítido; se o fundo é preto, o efeito é exatamente o contrário e torna a vida de pessoas com astigmatismo ainda mais complicada.

Tanto o tema claro quanto o escuro têm suas aplicações. Indiscutivelmente, a leitura de conteúdos rápidos durante a noite é bem mais aprazível com o modo noturno, mas pode causar incômodo em leituras mais longas. O ideal para tornar a experiência noturna mais agradável é ajustar a claridade do ambiente, principalmente próximo à tela, a fim de evitar fadiga ocular; ou, se disponível, optar por temas com tons de cinza.

06014214083329.jpg?w=700

E a bateria, ajuda mesmo?

Se o seu dispositivo tiver uma tela OLED ou AMOLED, sim; nesse caso, os pixels presentes têm iluminação própria. Então, quando a informação presente no display for preta, o pixel permanecerá apagado, sem consumir energia.

Essa vantagem não está presente nas telas LCD justamente porque sua construção inclui um backlight para a formação das imagens. Por isso, sempre que a tela estiver com informações, toda luz de fundo estará ativa. É esse fenômeno que também justifica o tom acinzentado de telas LCD quando deveriam estar exibindo imagens totalmente pretas.

Por outro lado, as baterias de dispositivos com telas OLED e AMOLED não lidam bem com temas claros — e essa é uma das razões da popularidade dos modos escuros.

No fim das contas, quem decide é você

Se você prefere o tema escuro, use-o! Se o modo está disponível, cabe a você decidir o que o agrada mais e se as vantagens, agora explicadas, e as desvantagens são o que procura.

https://www.tecmundo.com.br/software/142264-modo-escuro-realmente-vantajoso-visao-bateria-celular.htm

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

A maior rede 5G do mundo é chinesa e já está operando!

A China, maior mercado móvel do mundo, com mais de um bilhão de usuários, inaugurou sua rede 5G, que já nasce como a maior do mundo com essa tecnologia. As três operadoras estatais de telefonia do país se uniram para compartilhar a infraestrutura, a fim de acelerar o processo e diminuir os custos para implementar a nova rede, que ainda recebeu fortes investimentos do governo e da Huawei, líder mundial no setor.

Disputa comercial com os EUA motivou os chineses

Para os analistas, essa “corrida” para implementar o 5G na China não foi algo muito natural, e não deveria ter ocorrido antes de 2020. A pressão, na verdade, foi impulsionada pelas tensões comerciais entre o país e os EUA, que envolveu bloqueios de negócios entre empresas americanas e a Huawei.

No momento, as principais metrópoles chinesas já possuem cobertura 5G, incluindo Xangai e Pequim. Até o fim de 2019, o sinal será estendido para mais de 50 mil estações-base espalhadas pelo país.

5G chinês vai continuar demandando novas tecnologias

É a primeira vez em que a China está à frente do resto do mundo na introdução de uma tecnologia de comunicação móvel. E essa inauguração adiantada da nova rede vai continuar demandando a criação de novas tecnologias por parte de empresas chinesas como a Huawei, Xiaomi e ZTE. A pretensão do governo é de que, a longo prazo, o país assuma a liderança do setor empresarial baseado em IA e da computação de ponta. Vale lembrar que a China já é líder mundial em tecnologia de reconhecimento fácil, mesmo não sendo uma tarefa muito fácil distinguir os chineses.

Para Tim Hatt, chefe de pesquisa da GSMA Intelligence, a China terá migrado 36% de sua base de usuários móveis para o 5G em 2025. Isso vai representar 40% do mercado global daqui a cinco anos, nesse tipo de rede.

Segundo Hatt, o amadurecimento do 5G chinês, com testes iniciados há quatro anos, vai possibilitar a implantação comercial da rede de forma muito mais robusta que em outros países.

Link da matéria: https://m.tecmundo.com.br/amp/mercado/147363-maior-rede-5g-mundo-chinesa-operando.htm

Share this post


Link to post
Share on other sites
E.R

Motorola

Share this post


Link to post
Share on other sites
Victor235

rh01Rds.jpg?1

A HQ "Pedindo Emprego" (Almanaque do Tio Patinhas (1s) # 02, lançado em janeiro de 1987) mostra Patinhas usando um "bip". Quem não pegou essa época e tem curiosidade em saber como funcionava um "bip" ou "pager" pode assistir a este vídeo: 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
E.R

Feira de tecnologia

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Como criar BOT no Discord

Fonte: https://www.techtudo.com.br/google/amp/dicas-e-tutoriais/2020/01/como-criar-bot-no-discord.ghtml

Criar BOT no Discord é útil para melhorar o programa e acrescentar recursos extras. A plataforma de comunicação, que permite aos gamers se comunicarem enquanto jogam, está disponível para download grátis em PC Windows e MacOS, além de contar com versão para celular com Android ou iPhone (iOS). Entre os destaques do software, está a possibilidade de criar BOTS e adicioná-los a um servidor para que desempenhem ações e interajam com outros membros. Veja, no tutorial a seguir, o passo a passo de como criar um novo bot e incluí-lo no chat do Discord.

Passo-a-passo:

Passo 1: Entre no link (https://discordapp.com/developers/applications/). Se já estiver logado na sua conta do Discord, a tela abaixo aparecerá. Se não estiver, é necessário fazer login. Clique no botão "New Application" (canto superior direito);

15796369241771318534629.jpg

O botão "New Application" fica no topo e à direita da página de desenvolvedores do Discord — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 2: Na nova janela, dê um nome ao BOT que pretende criar e aperte o botão "Create";

1579637008128147888875.jpg

Na nova janela, dê um nome ao BOT que quer criar e aperte o botão "Create" — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 3: Na nova tela, selecione "BOT" no menu à esquerda, com o app criado já selecionado. Depois, clique em "Add Bot". Na janela de confirmação, escolha "Yes, do it!" se quiser continuar;

15796370831741693619856.jpg

Com o novo app selecionado, escolha "BOT" à esquerda e aperte o botão "Add BOT" — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 4: A mensagem "A wild bot has appeared!", com um fundo verde, confirma a criação do novo BOT. Se quiser que outros servidores possam convidar seu BOT, deixe a opção "Public BOT" marcada. Já a outra opção pode permanecer desmarcada, a não ser que o seu BOT precise desse tipo de autorização. Se não tiver certeza, deixe desmarcada;

1579637128601344051734.jpg

A mensagem no topo confirma a criação do BOT — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 5: Agora, a parte mais importante: clicar em "Click to Reveal Token" revelará o token de seu bot, que é basicamente a senha de acesso a ele. O token é o que permite criar a programação para que o BOT desempenhe ações. Por isso, não compartilhe esse dado dado – caso contrário, outras pessoas podem ter controle sobre o seu BOT. Caso ache que seu token foi revelado, use o botão "Regenerate" para obter outro;

15796371803061228468821.jpg

Nunca revele revele seu token a outras pessoas — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 6: Para enviar o BOT ao servidor, selecione "OAuth2" no menu à esquerda, role para baixo e marque a caixa escrito "BOT". Então, clique em "Copy" para copiar a URL resultante. Logo abaixo, também é possível escolher as permissões que o BOT terá para desempenhar funções;

15796372800221679646350.jpg

Na aba de autorização, selecione "BOT" e depois copie a URL que será criada — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 7: Agora, cole a URL copiada na barra de endereços para ser levado à tela abaixo, contendo o nome do bot criado (Boteste, no caso deste tutorial) e o menu com as opções de servidores. Aperte o botão "Autorizar" e o BOT será adicionado ao servidor;

15796373410811893048869.jpg

A página contém o nome do BOT criado no topo e os servidores que podem ser selecionados — Foto: Reprodução/Rafael Martins

Passo 8: Quando abrir novamente o servidor, o BOT já fará parte da lista de membros.

15796373889402009796986.jpg

O BOT já adicionado à lista de membros do servidor — Foto: Reprodução/Rafael Martins

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Moto G Stylus dá as caras em imagens reais e no Geekbench revelando muitas especificações

A linha Moto G da Motorola faz muito sucesso desde o seu lançamento em 2013. Aparelhos com boas especificações e um preço justo fizeram a marca se tornar querida pelos Brasileiros pela acessibilidade tecnológica que proporcionou e agora tudo indica que a Motorola vai trazer mais uma novidade a um preço mais razoável: um Moto G com caneta Stylus.

Especificações surgiram hoje no teste de benchmark Geekbench, segundo ele, o nome do aparelho realmente deve ser Moto G Stylus e as suas especificações devem ser de intermediário, parecido com o que já vimos antes, mas sem muitos detalhes, que agora foram preenchidos, veja:

512296?w=1000&fit=clip

Teste do Geekbench com o Moto G Stylus

O teste nos informa algumas informações sobre o aparelho tais como 4GB de RAM, processador Qualcomm Snapdragon que de acordo com fontes deve ser da série 600 e possuir 4 núcleos rodando no máximo a 1,8 GHz e mais 4 a 2 GHz. A versão do Android é a última lançada: 10. O teste resultou em 311 pontos em núcleo único e 1316 rodando em múltiplos núcleos.

Outras fontes dizem que o aparelho deve ter 128GB de armazenamento interno e uma tela de 6,3 ou 6,4 polegadas, a resolução deve ser FullHD+. Para aguentar tudo isso, uma bateria de 4000mAh deve chegar com o dispositivo. Além disso tudo, imagens reais do aparelho foram fornecidas hoje também:

512297?w=1000&fit=clip

Segundo o site 91 mobiles, que recebeu as imagens diretamente da sua fonte, elas são de total confiança e mostram uma traseira que deve ser feita de policarbonato, ou seja, plástico. No centro está posicionado o sensor de impressões digitais no logo da fabricante, como já é tradição em aparelhos Motorola.

Agora falando das câmeras, o aparelho deve ter um conjunto principal de três sensores: uma câmera de 48 megapixels, um sensor secundário ultrawide de 8 megapixels com abertura de 117 graus e mais um de 2 megapixels, que ainda não se sabe se será apenas para profundidade ou fotos macro. Ficou apenas faltando a canetinha para utilizar o aparelho, que não apareceu na imagem.

Ainda não há informações sobre data de lançamento ou preços, embora já saibamos que ele deve ser bem mais acessível que o Motorola RAZR que vai chegar na Europa por um preço bem alto.

Fonte: https://www.tudocelular.com/motorola/noticias/n151894/moto-g-stylus-geekbench.html

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Apple leva multa milionária por causa do iPhone; entenda o caso

Empresa deve pagar R$ 358 milhões por violação de patentes em celulares.

A Apple foi condenada a pagar multa equivalente a R$ 358 milhões por violação de patentes relacionadas ao Bluetooth no iPhone. A gigante de tecnologia foi processada pela canadense WiLan por uso indevido de propriedade intelectual e falta de pagamento relacionado a recursos presentes nas linhas iPhone 6 e iPhone 7. Ao aplicar a penalização, o júri de San Diego, nos Estados Unidos, levou em consideração o número de vendas de celulares.

Esta não é a primeira vez que a empresa sediada em Cupertino é acusada de copiar tecnologias. Recentemente a Apple foi acusada de roubar informações comerciais e utilizar invenções sobre tecnologias médicas indevidamente no Apple Watch.

Outro júri em 2018 entendeu que Apple devia pagar para a WiLan o valor de US$ 145 milhões (R$ 611 milhões em conversão direta) por ter violado patente da empresa. Entretanto, a Apple entrou com recurso para recalcular os danos finais devidos.

Houve outro julgamento em 2019 e o tribunal entendeu que a companhia precisava arcar com os ônus apontados. No entanto, a juíza distrital Dana Sabraw concedeu à Apple um novo recurso ao aceitar o argumento de que a WiLan havia feito um cálculo errado de royalties.

Uma nova proposta de valor foi apresentada para a empresa. A juíza então pediu que a WiLan aceitasse US$ 10 milhões (cerca de R$ 42 milhões) oferecidos pela Apple. Na ocasião, Sabraw informou que caso a empresa não concordasse com este valor, um novo julgamento seria feito para descobrir quanto a Apple deveria pagar. A WiLan preferiu seguir com o julgamento.

O valor dos royalties foram recalculados e a WiLan chegou finalmente ao valor de US$ 85 milhões (R$ 358 milhões em conversão direta). O pedido foi aceito pelo tribunal. Mais uma vez, a Apple entrou com recurso por suposta falta provas que apoiassem a alegação da WiLan. O júri não acatou e condenou a empresa presidida por Tim Cook a pagar o custo multimilionário.

Com informações de Bloomberg, MacRumors e CNET

Fonte: https://www-techtudo-com-br.cdn.ampproject.org/v/s/www.techtudo.com.br/google/amp/noticias/2020/01/apple-leva-multa-milionaria-por-causa-do-iphone-entenda-o-caso.ghtml?usqp=mq331AQCKAE%3D&amp_js_v=0.1#referrer=https%3A%2F%2Fwww.google.com&amp_tf=Fonte%3A %1%24s&ampshare=https%3A%2F%2Fwww.techtudo.com.br%2Fnoticias%2F2020%2F01%2Fapple-leva-multa-milionaria-por-causa-do-iphone-entenda-o-caso.ghtml

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Falha do Google enviou fotos de celulares para pessoas estranhas

Bug já foi consertado e os afetados devem ter recebido uma mensagem de notificação. Porém, uma multa multimilionária poderá ser aplicada

Por e-mail, o Google está avisando alguns usuários de seu serviço Google Fotos que vídeos e fotos podem ter sido compartilhados com estranhos. De acordo com a mensagem, aqueles que baixaram imagens pelo aplicativo entre 21 e 25 de novembro do ano passado podem ter sido afetados pelo bug.

 

Durante esses dias, alguns vídeos teriam sido acidentalmente exportados para arquivos de usuários aleatórios. Até mesmo o conteúdo marcado como “Privado” pode ter sido enviado para outras pessoas. No entanto, apenas 0,01% dos usuários do Google Fotos foi afetado.

 

De acordo com o Google, o problema já foi corrigido e todos os possíveis atingidos devem ter recebido um e-mail de alerta. A sugestão da empresa é que o arquivo baixado durante os dias mencionados seja deletado, e um novo backup seja feito.

 

Como resultado da falha, o Google pode ser multado em até 4% do volume de faturamento anual de seus negócios. Isso caso as fiscalizações encomendadas pela União Europeia julguem que a empresa feriu a Lei Geral de Proteção e Dados.

Fonte: https://veja-abril-com-br.cdn.ampproject.org/v/s/veja.abril.com.br/tecnologia/falha-do-google-enviou-fotos-de-celulares-para-pessoas-estranhas/amp/?amp_js_v=a2&amp_gsa=1&usqp=mq331AQCKAE%3D#referrer=https%3A%2F%2Fwww.google.com&amp_tf=Fonte%3A %1%24s&ampshare=https%3A%2F%2Fveja.abril.com.br%2Ftecnologia%2Ffalha-do-google-enviou-fotos-de-celulares-para-pessoas-estranhas%2F

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Google Play remove 24 aplicativos sob suspeita de fraude; veja quais

Os aplicativos foram removidos pois solicitavam mais permissões do que o necessário para funcionar

De acordo a uma publicação do site VPN Pro, uma empresa chinesa, chamada Shenzhen Hawk, lançou 24 aplicativos diferentes da Google Play Store que, juntos, acumulam mais de 382 milhões de downloads. O problema é que alguns desses aplicativos solicitaram mais permissões do que o necessário para funcionar.

Por exemplo, um deles, que analisava o aparelho em busca de vírus solicitou acesso à câmera do dispositivo, algo que não é necessário. Além disso, para não ser pega, a empresa usou vários nomes de desenvolvedores diferentes de aplicativos para ocultar suas intenções.

Dos 24 aplicativos listados na postagem, seis deles solicitam acesso à câmera dos usuários e dois ao próprio telefone, o que significa que eles podem realizar chamadas. Do total, 15 dos apps podem acessar a localização GPS do dispositivo e ler dados de armazenamento externo, enquanto 14 são responsáveis por coletar e enviar dados do telefone e da rede do usuário. Por fim, um dos softwares pode gravar áudio e acessar os contatos.

Abaixo está a lista de aplicativos possivelmente perigosos disponibilizados pela Shenzhen Hawk ? ou os vários nomes de desenvolvedores de apps que a empresa usa. O Google removeu todos eles da loja, mas será necessário desinstalá-los manualmente do dispositivo, eles não vão desaparecer automaticamente. Veja:

Sound Recorder

Super Cleaner

Virus Cleaner 2019

File Manager

Joy Launcher

Turbo Browser

Weather Forecast

Candy Selfie Camera

Hi VPN, Free VPN

Candy Gallery

Calendar Lite

Super Battery

Hi Security 2019

Net Master

Puzzle Box

Private Browser

Hi VPN Pro

World Zoo

Word Crossy!

Soccer Pinball

Dig it

Laser Break

Music Roam

Word Crush

Para se prevenir, é possível também verificar se alguns dos apps instalados no aparelho apresentam alguns desenvolvedores específicos, que são os nomes utilizados pela empresa para disponibilizar os aplicativos:

Tap Sky

mie-alcatel.support

ViewYeah Studio

Hawk App

Hi Security

Alcatel Innovation Lab

Shenzen Hawk

Outros cuidados

Mesmo que você não tenha instalado nenhum desses aplicativos, a situação deve acender um sinal de alerta. Isso porque muitos apps solicitam permissões para funcionar, muitas vezes, incompatíveis com a função do aplicativo. Por esse motivo, é sempre bom se atentar às permissões concedidas para novos aplicativos instalados. Também é interessante sempre checar as permissões já concedidas para alguns softwares. 

Não há nenhum guia exato sobre quais permissões um aplicativo pode solicitar. Entretanto, vale a pena observar se, por exemplo, um aplicativo de montagem de fotos solicitar acesso ao discador para realizar chamadas ou a localização do aparelho.

Outro detalhe a se observar é que o número de downloads de um aplicativo nem sempre garante sua segurança ? como é o caso dos 24 citados. Especialistas recomendam que os usuários tenham cautela em relação aos aplicativos instalados no aparelho.

Link da matéria: https://amp.olhardigital.com.br/fique_seguro/noticia/google-play-remove-24-aplicativos-sob-suspeita-de-fraude-veja-quais/96328

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Moto G8 Power aparece na Amazon em duas cores reforçando detalhes e especificações

A Motorola já confirmou que vai realizar um evento na véspera da abertura da Mobile World Congress (MWC) 2020 e, graças aos vazamentos cada vez mais óbvios, talvez já possamos saber o que a empresa deve revelar no dia 23 de fevereiro, o ultimo domingo deste mês.

Além de uma versão dourada do Motorola Razr, que teve sua variante comum lançada hoje no Brasil por R$ 8.999, é esperado que a marca também anuncie o poderoso Motorola Edge Plus e os novos modelos da linha Moto G8, entre eles o Moto G8 Power que acaba de vazar mais uma vez.

513132?w=1000&fit=clip

Não é mais segredo que a linha Moto G8 (e isso inclui o G8 Power, o G8 comum e também o G Stylus) chegará ao mercado com design praticamente idêntico em todos os três modelos: a traseira com poucas mudanças e o painel frontal quase também idêntico entre os aparelhos, como vimos neste outro vazamento.

Com isso, o G8 Power aparece agora no site Amazon que ficou visível por pouco tempo e agora já encontra-se fora do ar. O aparelho exibe suas quatro câmeras traseiras com a mesma disposição já conhecida: uma lente separada e outras três unidas em um conjunto próprio. O smartphone também vai oferecer o mesmo painel com entalhe em formato circular dos seus irmãos.

513130?w=1000&fit=clip513131?w=1000&fit=clip

A listagem na Amazon exibia as cores Capri Blue (azul) e Smoke Black (preto) como "indisponível" no site, e também revelou as especificações, reforçando aquilo que já sabemos: o aparelho deve chegar com tela IPS de 6,4 polegadas, resolução Full HD+, chipset Snapdragon 665 de oito núcleos e equipado com 4 GB de memória RAM com 64 GB de armazenamento.

Em relação às câmeras o G8 Power vai oferecer quatro sensores no total, sendo um principal de 16 MP e um outro de 2 MP para a lente macro. A resolução do sensor e o formato das outras duas lentes não foram reveladas. A Amazon também revelou que o smartphone vai rodar o Android 10 e contar com bateria de 5.000 mAh.

Faltando poucas semanas para o anúncio dos aparelhos da Motorola no dia 23 de fevereiro, é esperado que mais detalhes continuem vazando até o evento oficial.

Link da matéria: https://www.tudocelular.com/motorola/noticias/n152151/moto-g8-power-em-pagina-da-amazon.html

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

Google pede que usuários não instalem Play Store em celulares Huawei

Apps do Google não podem rodar em dispositivos não certificados; empresa diz que prática pode comprometer segurança

Enquanto a guerra entre Huawei e Estados Unidos não termina, o Google se pronunciou a respeito da prática de instalar aplicativos como YouTube e Play Store nos celulares da marca chinesa de formas “não oficiais”. Em um artigo de suporte, o buscador alerta que não permite executar seus aplicativos em dispositivos não certificados, e que fazer isso poderia comprometer a segurança do usuário.

O artigo é assinado pelo diretor jurídico do Android e Google Play, Tristan Ostrowski. Ele explica que, como os Estados Unidos incluíram a Huawei em uma lista negra que a impede de fazer negócios com qualquer empresa americana, o Google “está proibido de trabalhar com a Huawei em novos modelos de dispositivos ou fornecer aplicativos do Google, incluindo Gmail, Maps, YouTube, Play Store e outros para pré-instalação ou download nesses aparelhos”.

Nada muda para os smartphones da Huawei lançados antes ou em 16 de maio de 2019, data em que a fabricante chinesa foi incluída na lista negra. Curiosamente, o Huawei P30 Pro teve suas vendas iniciadas justamente no dia seguinte no Brasil — no entanto, como ele já estava disponível em outras regiões do mundo, o produto continua recebendo suporte do Google.

Os aparelhos lançados após o banimento da Huawei, como o Mate 30 Pro, são considerados “não certificados” pelo Google. Isso significa que eles não passam pela análise de segurança do Google Play Protect, feito para “garantir que os dados do usuário e as informações dos aplicativos sejam mantidos em segurança”.

“Além disso, os aplicativos do Google instalados por sideload não funcionarão de maneira confiável, uma vez que não permitimos que esses serviços sejam executados em dispositivos não certificados, nos quais a segurança pode ser comprometida. O sideload de apps do Google também gera um alto risco de instalar um aplicativo que foi alterado ou violado de forma a comprometer a segurança do usuário”, diz o Google.

Em resumo: é tudo por sua conta e risco.

Huawei Mate 30 permite instalar apps do Google, mas…

Como nem o Google e nem a Huawei podem fornecer instruções de como instalar o YouTube, Play Store ou outro aplicativo do Google, não há nenhuma forma completamente segura de fazer o processo em um Mate 30 ou outro smartphone mais recente da marca chinesa: você sempre terá que se submeter a gambiarras e confiar em servidores de terceiros.

De fato, nós conseguimos instalar a suíte do Google em um Mate 30 Pro, por meio de um processo que envolvia fazer um backup do sistema e depois restaurá-lo por meio de uma cópia adulterada. Ainda assim, não há como executar softwares que fazem verificações adicionais de segurança, como o Google Pay e aplicativos de bancos em geral. Certos serviços populares, como a Netflix, também negam o acesso — inclusive por meio de aplicativos modificados, que param de funcionar repentinamente.

Fonte da matéria: https://tecnoblog.net/326451/google-pede-que-usuarios-nao-instalem-play-store-em-celulares-huawei/amp/

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Medeiros CH

HMD garante: Nokia e ZEISS seguem juntas nos celulares, apesar de parceria com Sony

Nesta semana, a Sony apresentou seus novos smartphones para os segmentos de top de linha e intermediário. A principal novidade foi a ampliação da parceria com a ZEISS, para câmeras melhores em seus aparelhos. Mas se engana quem pensa que o acordo da fabricante de sistemas ópticos com a Nokia chegou ao fim.

Em uma postagem na sua conta oficial do Twitter, o gerente de produtos da HMD Global – controladora da marca “Nokia” –, Juho Sarvikas, garantiu que as duas empresas seguirão trabalhando juntas nesse mercado.

De acordo com o executivo, ambas ainda têm muitas experiências exclusivas a oferecer aos usuários no futuro, mesmo com a chegada da Sony. Inclusive, Sarvikas chegou a dar as boas-vindas à marca japonesa à família ZEISS.

Ele não chegou a detalhar o que ambas as companhias ainda podem fornecer de especial para o futuro, mas a declaração afasta qualquer possibilidade de rompimento no acordo. Além de comprovar que não haverá uma única marca a utilizar os produtos da fabricante alemã em celulares.

A HMD Global tinha evento marcado para anunciar seu novo flagship, sucessor do Nokia 9 Pureview. Contudo, após o cancelamento da MWC 2020, a empresa precisou adiar a sua conferência e ainda não tem data para apresentar suas novidades.

Link da matéria: https://www.tudocelular.com/nokia/noticias/n152918/nokia-e-zeiss-seguem-juntas-apesar-da-sony.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...