Jump to content

Mundial de Clubes da FIFA


E.R

Recommended Posts

On 2/12/2023 at 6:45 AM, E.R said:
NOTÍCIAS

Número de títulos mundiais :

. Real Madrid - 8 títulos

. Bayern de Munique - 4 títulos

. Milan - 4 títulos

. Barcelona - 3 títulos

. São Paulo - 3 títulos

. Inter de Milão - 3 títulos

. Boca Juniors - 3 títulos

. Peñarol - 3 títulos

. Nacional - 3 títulos

. Juventus - 2 títulos

. Manchester United - 2 títulos

. Corinthians - 2 títulos

. Ajax - 2 títulos

. Porto - 2 títulos

. Santos - 2 títulos

. Independiente - 2 títulos

. Grêmio - 1 título

. Flamengo - 1 título

. Chelsea - 1 título

. Internacional - 1 título

. Racing - 1 título

. Liverpool - 1 título

. Borussia Dortmund - 1 título

. River Plate - 1 título

. Olímpia - 1 título

. Estudiantes - 1 título

. Vélez Sarsfield - 1 título

. Atlético de Madrid - 1 título

. Feyenoord - 1 título

. Estrela Vermelha - 1 título

Curica tem 2 mundial!? :no:

Boca ÚNICO campeão mundial (do ano 2000)!? :yes:

Palmera tá na lista!? :nono:

Link to comment
  • Replies 158
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

  • E.R

    99

  • tokufan4

    17

  • Chapolin Gremista

    14

  • Пауло Витор

    6

8 minutos atrás, tokufan4 disse:

Curica tem 2 mundial!? :no:

Boca ÚNICO campeão mundial (do ano 2000)!? :yes:

Tem. O torneio de 2000 foi organizado pela FIFA, que reconhece o Corinthians como campeão também.

  • Haha 2
Link to comment
23 hours ago, E.R said:

Tem. O torneio de 2000 foi organizado pela FIFA, que reconhece o Corinthians como campeão também.

Se esses tapetões começarem a ser levados a sério, então o Palmera tb é.. O Flu.. E se bobear, até o XV de Jaú!!!! -_-

Link to comment

Os torneios que o Palmeiras e o Fluminense disputaram não foram organizados pela FIFA.

O Corinthians em 2000 era o atual campeão brasileiro e o torneio foi disputado no Brasil, portanto a participação do Corinthians foi legítima.

Quem não devia ter disputado aquele campeonato era o Vasco, o Palmeiras era quem deveria ter jogado aquele torneio.

E tinha o atual campeão europeu (Manchester United).

Link to comment
Chapolin Gremista

E o Galo foi campeão do Gelo.

 

 

NOTÍCIAS

 

2025

Europa já quer manipular o novo Mundial de Clubes

Com a previsão de novo Mundial de Clubes com 32 times, UEFA quer participação de 12 times, ou seja, sobraria apenas 4 times para cada confederação

FIFA-1536x864.jpg

AFifa resolveu fazer a segunda alteração no formato do Mundial de Clubes. A Copa Intercontinental, também conhecida como Copa Toyota, foi disputada 45 vezes entre 1960 e 2004. A partir de 2005, a Federação Internacional de Futebol (FIFA) passou a organizar o Mundial, que atualmente conta com o modelo de sete clubes disputando o torneio: seis campeões continentais e o campeão nacional do país-sede. Os representantes da Europa e América do Sul entram na semifinal.

A nova proposta da FIFA, entraria em vigor apenas em 2025 – no período de 2023 – 2024, manteria-se o modelo atual – com 32 times. Gianni Infantino, presidente da entidade, relatou que provavelmente a competição será como “a Copa do Mundo de Seleções”, com duração aproximada de um mês e a frequência da competição seria a cada quatro anos. Segundo informações, a União Europeia de Associação de Futebol (UEFA) só irá aceitar a mudança caso a FIFA separe 12 vagas exclusivas a equipes da Europa. Contudo, o número de clubes por regiões ainda não foi definido.

Aqui existe um ponto da pressão dos europeus. As vagas são atualmente divididas entre América do Norte, América do Sul, África, Europa, Ásia e Oceania, ou seja, seis confederações. Caso a Europa fique com 12 vagas, teríamos 19 vagas para serem distribuídas, visto que sempre o país-sede tem vaga garantida. Ou seja, sobraria em média menos de 4 vagas para cada confederação, o que representa menos de 3 vezes o número de vagas dos europeus.

A imprensa fala que ficaria difícil clubes fora da Europa levantarem a taça por qualidade técnica. Contudo, vemos que não seria apenas uma questão de técnica, mas sim, de proporção de times. O mínimo que deveria ser cobrado é uma proporção igualitária ou por população, com 5 times para cada confederação. Contudo, sabemos que a pressão que ocorre para favorecer os europeus tanto na Copa do Mundo, como poderá acontecer no Mundial de Clubes, caso sejam aprovados 12 clubes para a Europa, é enorme.

Estes fatos mostram parte da farsa da Europa no futebol, que procura, a qualquer custo, favorecer seus clubes que, na realidade, são recheados de jogadores estrangeiros. Caberá à FIFA – um órgão que tende a favorecer o imperialismo – organizar o novo mundial de clubes com a proporção mais democrática possível. Não se pode ter um mini-campeonato europeu dentro do Mundial de Clubes, pois isto levaria a um aumento ainda maior da disparidade entre os clubes, e o novo Mundial deixaria de ser um Mundial.

 

https://causaoperaria.org.br/2023/europa-ja-quer-manipular-o-novo-mundial-de-clubes/

 

 

 

Link to comment
Chapolin Gremista
NOTÍCIAS

 

FUTEBOL MODERNO

Patamares

O capitalismo está destruindo a disputa sul-norte

Neymar-02.jpg

Não há como comparar, na atualidade, o futebol europeu com o futebol praticado no resto do mundo. Na condição de tricolor, o jogo do meu Grêmio contra o Real Madrid em 2017 marcou esta diferença, que a partir de então ficou muito clara para mim. Eram (para usar a palavra da moda) patamares diferentes de futebol. No campeonato mundial patrocinado pela FIFA os sul-americanos chegam lá para fazer um “crime”, jogar por uma bola, tentar o milagre, fazer história. Parecemos clubes do interior jogando contra potências futebolísticas da capital. Já os gringos vão fazer compras e curtir os hotéis de luxo das cidades árabes. Estamos muito mais próximos do futebol da Arábia e mesmo da África do que do futebol da Europa. Prova disso é que nas últimas 10 semifinais os clubes da América Latina foram batidos por clubes africanos e de outras praças. O futebol dos anos 80-90 foi último suspiro dessa proximidade; a distância se tornou insuperável pela força do poder econômico; o dinheiro destruiu a competitividade no futebol; um fosso gigantesco se abriu, separando o futebol praticado no centro do Imperialismo com aquele da periferia.

Eu sei: os clubes europeus são “legiões estrangeiras” cheios de jogadores da periferia, mas eles apenas arrecadam a mão de obra no sul global; o dinheiro, a organização, os estádios e o marketing é todo deles. Pensem apenas o seguinte: o jogador Neymar ganha sozinho mais do que todos os jogadores do Palmeiras e do Flamengo juntos – que já tem salários obscenos para a realidade do país. Ou seja: ele ganha mais que o plantel inteiro dos dois clubes mais ricos do país. Segundo dados da revista Forbes de 2022, Neymar ganha US$ 55 milhões anuais entre salários e bônus por metas em campo. Por mês arrecada ao redor de US$ 4,5 milhões, o que representa na cotação atual quase R$ 23 milhões. Ainda segundo a publicação, Neymar ganha mais US$ 32 milhões por seu trabalho fora de campo, principalmente emprestando seu nome para publicidade de inúmeros produtos. O jogador mais bem pago do Brasil ganha menos de um décimo do que ganha o Neymar. É um poder econômico contra o qual não há como competir.

Com o futebol europeu sendo comprado por bilionários do petróleo ou novos ricos do leste europeu, a tendência é que este esporte fique cada vez mais distante do povo. Cada vez mais concentrador de renda – e de títulos – e paulatinamente afastado do trabalhador pobre, o destino desse esporte é se tornar um jogo para as elites, controlado por magnatas, com uma estrutura que visa essencialmente o lucro, na mais acabada perspectiva neoliberal. Enquanto isso, vai se afastando das torcidas, expulsas dos estádios e cada vez mais alienadas das decisões do clube.

O futebol também precisa de uma revolução, para evitar que desapareça pelo extermínio de sua motivação mais primitiva e fundamental: a paixão.

 

https://causaoperaria.org.br/2023/patamares/

 

 

Link to comment
Chapolin Gremista
NOTÍCIAS

MONOPOLIZAÇÃO DO FUTEBOL

FIFA confirma 12 vagas para Europa no Mundial de Clubes

Mesmo com a maior parte de jogadores estrangeiros, Europa tem privilégio, com grande parte das vagas no "Mundial" de Clubes

fifa-uefa.jpg

 

Como já denunciado por este diário, caso fossem dado 12 vagas para Europa no mundial de clubes seria mais uma tentativa de europeização do futebol mundial, não deu outra. Nesta terça-feira (14) a FIFA, Federação Internacional de Futebol confirmou que a UEFA, União Europeia de Futebol, terá mais vagas que todos os outros continentes, a CONMEBOL, Federação da América do Sul, terá apenas a metade das vagas, 6.

Após várias pesquisas para tentar entender o motivo de a Europa ter mais vagas do que todos os outros continentes – AFC (Ásia): 4 vagas, CAF (África): 4 vagas, Concacaf (América do Norte, Central e Caribe): 4 vagas, Conmebol (América do Sul): 6 vagas, OFC (Oceania): 1 vaga,Uefa (Europa): 12 vagas, País-sede do torneio: 1 vaga – a única resposta que estão replicando todos os meios de comunicação é a mesma:

Segundo a organização, a escolha teve como base um conjunto de métricas e critérios objetivos, possibilitando um maior número de vagas ao futebol europeu.

Agora que “conjunto de métricas e critérios objetivos” são esses não tenho a mínima ideia. Está mais do que óbvio que a FIFA montou um esquema anti-democrático de interesses particulares para distribuir as vagas. Os times da Oceania, por exemplo, tem nada mais nada menos do que 1 vaga, Ásia somente 4 vagas. E pior ainda, América do Sul com 6 vagas. Das 22 Copas do Mundo a América do Sul conta com 10 troféus, 5 somente para o Brasil.

Ou seja, toda a manobra da Federação Internacional de Futebol, favorece claramente os times europeus. As chances de um clube da Europa ser campeão são muito maiores que a dos outros continentes. Outra questão que devemos ficar de olho é que quem escolherá o formato de como os times de cada continente participarão do evento será definido por suas suas respectivas confederações.

Não é de hoje que o imperialismo trabalha para que o futebol mundial fique restrito à Europa, são várias e variadas formas ultilizadas pela imprensa imperialista para diminuir e atacar o futebol e os jogadores de outros países – principalmente o futebol arte brasileiro – e tentar elevar de forma descarada os clubes e atletas europeus.

É importante também levar em consideração que os times europeus, não como os times de outros países e continentes onde a grande maioria ou se não a totalidade dos jogadores são naturais de suas regiões. Ao contrário do que acontece na Europa onde a maior parte dos atletas são estrangeiros. Com 32 times, a maior parte europeus, o Mundial de Clubes literalmente deixa de seu um mundial.

https://causaoperaria.org.br/2023/fifa-confirma-12-vagas-para-europa-no-mundial-de-clubes/

 

Link to comment
  • 2 weeks later...

Acho que esse Mundial de Clubes que a FIFA quer fazer deveria ter apenas 16 times.

. um representante do país-sede

. um representante da Oceania

. 2 representantes da Concacaf

. 2 representantes da África

. 2 representantes da Ásia

. 4 representantes da Conmebol

. 4 representantes da UEFA

-

Daí, teriam 4 grupos com 4 times, sendo que em cada grupo teria um time da Europa (os 4 times da Europa ficariam no pote 1) e um time da América do Sul (os 4 times da América do Sul ficariam no pote 2), e aí os clubes dos outros continentes (e o clube do país sede) ficariam nos potes 3 e 4, e se evitaria repetir no mesmo grupo clubes do mesmo continente.

Aí depois teríamos quartas de final (com os 2 primeiros de cada grupo se classificando e o melhor colocado de cada grupo jogando pelo empate nas quartas de final), teríamos depois semifinal (se desse empate teríamos prorrogação e pênaltis) e depois final (também com prorrogação e pênaltis, se necessário), além da disputa de terceiro lugar.

 

Edited by E.R
Link to comment
  • 2 weeks later...
NOTÍCIAS

A FIFA anunciou que a partir de 2024, o Mundial de Clubes será disputado em outro formato.

Nele, o campeão da UEFA Champions League terá vaga assegurada na final, que será disputada em campo neutro.

Já os outros campeões continentais, inclusive o campeão da Libertadores, disputarão um playoff para ver quem disputará a final contra o campeão europeu.

E, a partir de 2025, a FIFA vai realizar um Mundial de Clubes com 32 times.

Real Madrid, Chelsea, Flamengo e Palmeiras já têm vaga assegurada no Mundial de Clubes 2025.

Fonte : https://www.espn.com.br/futebol/artigo/_/id/11756631/fifa-anuncia-extincao-atual-formato-mundial-clubes-cria-mundial-alternativo-2024-veja-como-funcionara-novo-torneio

 

Link to comment
NOTÍCIAS

Times que já estão classificados para o Mundial de Clubes da FIFA 2025 :

. Real Madrid
. Palmeiras
. Manchester City
. Flamengo
. Chelsea
. Fluminense
. Monterrey
. Seattle Sounders
. Al Hilal
. León
. Wydad Casablanca
. Urawa Red Diamonds

Fonte : https://ge.globo.com/futebol/futebol-internacional/noticia/2023/03/15/mundial-de-clubes-2025-fifa-confirma-mais-sete-times-veja-lista.ghtml

 

Edited by E.R
  • Like 1
Link to comment

Na moral, achei muito massa esse novo mundial de 4 em 4 anos! Sem dúvida será o título mais cobiçado do mundo msm! O problema vai ser os manés discutindo q o mundial dele vale mais do q do outro - assim como já tem né - os tapados q chamam de Copa Toyota, os q se consideram campeões mundiais sem ter ganho Liberta ou Champs daquele ano E OS SUÍNOS q, nem vou comentar.. :ike:

  • Haha 1
Link to comment
  • 2 weeks later...

Já que vão fazer um Mundial de Clubes com 32 clubes mesmo, o correto seriam 8 clubes da Europa (um time por grupo) e 8 clubes da América do Sul (um time por grupo também).

As outras 16 vagas divididas por país sede, clubes da Ásia, clubes da Concacaf, clubes da África e clubes da Oceania.

 

Link to comment
Chapolin Gremista
NOTÍCIAS

COPA DO MUNDO DE CLUBES

Jogos e mais jogos: FIFA quer transformar jogador em robô

A FIFA quer garantir seus bilhões de dólares, mesmo que isso custe a vida dos jogadores e o fim do futebol arte

lg-noticias-quarta-de-treinos-de-fora-a-

AFIFA quer garantir seus bilhões de dólares, mesmo que isso custe a saúde dos jogadores e o fim do futebol arte

Por que será que a cada ano a FIFA quer inventar mais e mais campeonatos? Será que toda a atual tecnologia do futebol e os treinamentos de alta performance são milagrosos e transformam os jogadores em robôs capazes de jogar dia e noite sem parar?

A Federação Internacional acaba de anunciar que realizará a partir de 2025 a Copa do Mundo de Clubes. Serão 32 clubes disputando a competição, doze deles da Europa e seis da América do Sul. A copa acontecerá a cada quatro anos, entre a realização das Olimpíadas e da Copa do Mundo. Para piorar, não vai excluir o Mundial de Clubes, que já é disputado anualmente. Por que tanta gana por jogos e mais jogos e novas competições pelo mundo?

Uma pista: só no último ano a FIFA faturou 7,5 bilhões de dólares e quer aumentar cada vez mais esse lucro. O que é feito com tantos bilhões? Alguma parte vai para os clubes? Nada. Alguma coisa é distribuída para as seleções de países mais pobres? Nem um tostão. Para onde vão esses bilhões? Essa não é uma informação fácil de se obter. Mas a movimentação da FIFA segue para aumentar cada vez mais esse bolo às custas do esgotamento dos jogadores, pequenos operários de luxo para enriquecer grandes burgueses.

No fim das contas, com 12 vagas, o tal novo mundial quer favorecer os times europeus, que vêm cada vez mais sendo ameaçados pelos clubes latino-americanos. Tudo isso deixa claro, como já denunciamos neste Diário, que a FIFA trabalha para a destruição do futebol.

O inchaço do calendário de jogos serve para aumentar o desgaste físico dos jogadores e para tornar as competições cada vez mais desinteressantes. Os jogadores, apesar dos altos salários e da vida de luxo, são na verdade simplesmente tratados como operários, tendo suas energias sugadas até o fim ou até uma lesão grave obrigá-lo a parar de jogar. Vide Neymar que vive sendo afastado dos gramados por conta de lesões.

Concretamente, o que o futebol precisa é de participação popular. O que cada vez fica mais difícil no Brasil, por exemplo, com os horários dos jogos que chegam a terminar depois de meia noite. Os trabalhadores não conseguem assistir e os jogadores se esgotam com os treinos, que se seguem cedo nas manhãs seguintes. De fato, o que os jogadores precisam é de organização, de um sindicato forte para defendê-los, pois, as lesões são provocadas por uma tabela de jogos infernal.

Futebol arte? Não importa mais, o que importa é ter jogo e mais jogo e seus bilhões, mesmo que sem graça, sem emoção e cheio de farsa. Sugar o sangue e explorar ao máximo os craques-operários.

 

https://causaoperaria.org.br/2023/jogos-e-mais-jogos-fifa-quer-transformar-jogador-em-robo/

 

Link to comment

12 clubes da Europa é muita coisa mesmo, deviam ser 8 da Europa e 8 da América do Sul, e aí cada grupo ter 1 time da Europa e 1 time da América do Sul.

Podia ter 5 times da Ásia, 5 times da Concacaf, 5 times da África e 1 time da Oceania.

Gostei desse torneio, acho melhor que o formato atual, pois garante pelo menos um confronto entre europeu e sul-americano, algo que não aconteceu em 2023, 2021, 2018 e 2016, por exemplo.

O outro torneio que a FIFA vai fazer (que o europeu já tem vaga garantida na final, enquanto o campeão da Libertadores precisa fazer 2 jogos antes de ir pra final) é que foi bem ruim para os times sul-americanos.

Link to comment

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
  • Atividades

    1. gustavo lins
      62

      Quais perdidos exibidos no SBT que ainda precisamos?

    2. Melchior CH
      62

      Quais perdidos exibidos no SBT que ainda precisamos?

    3. E.R
      582

      Os Simpsons

    4. E.R
      29

      Olimpíadas de Paris

    5. E.R
      226

      FLORINDA MEZA

  • Recently Browsing   0 members

    • No registered users viewing this page.
×
×
  • Create New...